RADIO WEB JUAZEIRO

PARA VOTAR NA RADIO, CLIQUE AQUI

sexta-feira, 28 de abril de 2017

INFORMATIVO DA SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA

Bahia consegue prisão de acusado de participar de maior roubo do Paraguai


Considerado um dos maiores líderes criminosos e representante de uma organização de São Paulo com ramificações na Bahia, Paulo César Alves Filgueiras, mais conhecido como Paulo Escopeta, foi preso na tarde desta quinta-feira (27) graças a ação rápida da polícia baiana.

Assim como ele, Fernando Lumes, que acumula as mesmas acusações de Paulo - além de ser sobrinho e braço direito de Zé de Lessa, o criminoso mais procurado do estado - também foi preso.

Detidos no Paraguai, na cidade de Capitã Bado, sob suspeita de participação no maior assalto já registrado no país, quando foram levados U$ 120 milhões de uma transportadora de valores, a dupla só permanecerá presa graças a agilidade da Polícia Civil Baiana, que conseguiu um mandado de prisão contra ele, expedido pelo titular da 2 Vara Crime de Eunápolis, juiz Heitor Awi Machado de Attayde.

A polícia paraguaia não tinha provas suficientes para mantê-los detidos, conforme explicou o diretor do Departamento de Polícia do Interior, delegado Ricardo Brito.

De posse do documento, a Polícia Federal Brasileira efetuará o cumprimento da prisão dos acusados.

Na Bahia, as ações da dupla envolviam além dos assaltos a banco - entre eles o último praticado na agência do Banco do Brasil de Irecê - sequestros mediante extorsão.

Segundo o titular da 23 Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Eunápolis), delegado Moisés Damasceno, em um dos casos registrados esse ano naquele município, o grupo de Paulo Escopeta conseguiu extorquir R$ 250 mil, pagos pela família da vítima, um adolescente de 16 anos. E sob a acusação deste crime que eles permanecerão encarcerados à disposição da Justiça.

A dupla, que ainda se encontra no Paraguai, será apresentada em Ponta Porã, no Paraná, e logo será transferida para a Bahia onde irá responder a todos os crimes cometidos no estado.


Assessoria de Comunicação
Secretaria da Segurança Pública da Bahia

PETROLINA RECEBERÁ INVESTIMENTO DE R$ 40 MILHÕES

Investimento de R$40 milhões trará centro de pesquisa e desenvolvimento para Petrolina, diz ministro de Minas e Energia

 Nossa Voz 


Até a primeira quinzena de junho, traremos para Petrolina [PE] um centro de pesquisa e desenvolvimento, com investimento de R$40 milhões, e que vai estudar energias alternativas para a região, indicou o ministro de Minas e Energia, Fernando Filho, que participa do 1º Fórum de Energias do Sertão, organizado pela Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE), em parceria com o Sebrae, e que acontece durante todo o dia desta quinta-feira (27), no auditório do Senai.

“O centro deve ficar pronto em dez meses e nossa expectativa é aproveitar o aeroporto, universidades, escolas técnicas e o Sistema S, para convergir os futuros estudos e podermos transformar a cidade num polo de tecnologias energéticas”, afirmou ao público do evento. “O Brasil está voltando a crescer e nós precisamos estar integrados nesse crescimento, principalmente no setor elétrico, cujo potencial é enorme”, acrescentou.

O fórum visa estimular debates e ideias sobre o futuro energético no Nordeste e promove seminários, debates e cases de sucesso. Além de Fernando Filho, participaram o presidente da FIEPE, Ricardo Essinger, a diretora técnica do Sebrae-PE, Ana Cláudia Dias, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), o secretário estadual de Micro e Pequena Empresa, Alexandre Valença, o diretor-fundador do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE), Adriano Pires, e o presidente da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), Humberto Barbato.

Adriano Pires, palestrante convidado e um dos maiores especialistas em Energia, disse que a instabilidade do setor e políticas pouco claras afastavam os empresários na hora de investir no parque energético do país. Segundo ele, uma solução para baratear a conta que chega ao consumidor é “promover a geração de energia distribuída”. “O Brasil precisa desenvolver políticas energéticas mais regionalizadas. Não faz sentido criar um parque eólico aqui no Nordeste para gerar energia para São Paulo, em que temos de fazer linhas de transmissão, gastar rios de dinheiro e ainda há a perca de energia durante a transmissão”, diz.

Programação

A programação do fórum iniciou às 9h com a formação de uma mesa redonda composta por empresários, especialistas e autoridades da área. Em seguida, a FIEPE promoveu a conferência ‘A Indústria e Setor Energético’, apresentou cases de sucessos nos setores de Alimento, Bebidas e Agroindústria, além de expor projetos de automação energética e edificações inteligentes. O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, recepcionou os visitantes e adiantou que as portas estão abertas para quem quiser investir na cidade. “O município tem apetite por parcerias”, disse.

Já o presidente da Abinee, Humberto Barbato, seguiu o mesmo caminho dos palestrantes do evento. Apresentou um histórico dos investimentos brasileiro em energias alternativas e apontou quais as ações necessárias para o aproveitamento máximo das fontes energéticas.

À tarde, o fórum continuou com as palestras: ‘Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) no cenário energético do Sertão’, ‘Linhas de apoio e fomento a fontes alternativas de energia’, ‘Oportunidade pra energia solar no Semiárido’, ‘Eficiência energética – como reduzir custos’, e os debates envolvendo representantes da Chesf, Celpe, Aneel, CBIE e FGV.

No encerramento, o presidente da FIEPE, Ricardo Essinger, fez um balanço do evento. “Esse é o momento ideal para a discussão. Primeiro porque nossa região é ícone em geração de energia. O fórum discutiu problemas estruturais da cidade, estado e do país. E as presenças do ministro, membros da agência reguladora e dos especialistas tiveram o objetivo de dar um norte a esses problemas”, concluiu.

ESPECIALISTAS DOS EUA E EUROPA SE UNEM PARA FAZER UMA CIRURGIA EM UMA MENINA QUE NASCEU COM 3 PERNAS

Menina de Bangladesh que nasceu com três pernas anda e corre normalmente após cirurgia

Choity Khatun passou por cirurgia complexa na Austrália. Parte de um gêmeo se desenvolveu dentro de menina.

Por France Presse
Choity Khatun, de 3 anos, com sua mãe Shima Khatun, de 22: menina passou por cirurgia para remover terceira perna e adequar outros órgãos (Foto: TEAGAN GLENANE / CHILDREN FIRST FOUNDATION / AFP)


Uma criança que nasceu com três pernas - porque partes do corpo de um gêmeo tinham crescido dentro dela - deve retornar para a casa nesta sexta-feira (28) depois de passar por uma cirurgia rara e complexa na Austrália, que permitiu que ela passasse a andar e correr normalmente, segundo seus médicos.

Especialistas de Bangladesh tinham avaliado que Choity Khatun, de 3 anos, tinha poucas chances de sobreviver até que ela foi levada a Melbourne, no ano passado, pela organização beneficente Children First Foundation.

Lá, uma equipe de cirurgiões passou vários meses desenvolvendo um procedimento para reconstruir sua anatomia. "Um gêmeo tinha crescido a partir de sua pélvis, mas era apenas parte de um gêmeo... O problema é que não há regras para isso porque ela é um indivíduo muito único, então é preciso trabalhar com o que está ali", disse Chris Kimber, cirurgião pediátrico do Hospital Pediátrico Monash.

"Quando Choity chegou à Austrália, ela estava malnutrida, não conseguia andar de forma adequada", disse Kimber.
Raio-X feito antes da cirurgia mostra terceira perna da menina Choity Khatun, de 3 anos. Cirurgia foi bem-sucedida em remover órgão "extra" (Foto: HANDOUT / MONASH HEALTH / AFP)

Trabalhando em colaboração com especialistas da Europa e Estados Unidos, os cirurgiões planejaram um procedimento que envolveu remover o restante da terceira perna (parte já tinha sido amputada em Bangladesh) e também remover, desconectar e reconectar outros órgãos.

A condição de Choity signfica que partes do corpo de um gêmeo se desenvolveu em seu períneo, área entre o ânus e a vulva. Cirurgiões gastaram muitas horas examinando a criança sob anestesia e descobriram que ela tinha dois retos, dois anus, duas vaginas e dois úteros.

A cirurgia, que Kimber afirmou ser "extremamente rara", foi feita em novembro e envolveu oito médicos especialistas em reconstrução genital e pélvica. O procedimento levou 8 horas.
Cirurgião Chris Kimber opera menina Choity Khatun em hostpital de Melbourne (Foto: HANDOUT / MONASH HEALTH / AFP)

"Levamos três ou quatro meses pensando sobre isso, apresentando para os médicos, pegando ideias ao redor do mundo e, com base em opiniões de todo o mundo, conseguimos chegar a algo que claramente funciona", acrescentou.

"Ela está muito bem", afirmou.

A menina também é parcialmente cega, mas um oftalmologista avaliou que sua visão não poderia ser melhorada. Apesar disso, ela tem visão suficiente para andar e correr como outras crianças, para a alegria de sua mãe de 22 anos.

"Tudo está bem agora... ela pode brincar como qualquer outro bebê", disse Shima Khatum a um canal de televisão nesta quinta-feira, acrescentando que ela estava ansiosa para voltar para sua vila próxima de Dhaka com sua filha e reencontrar seu marido.

DESEMPREGO CRESCENTE

Desemprego fica em 13,7% no 1º trimestre de 2017 e atinge 14,2 milhões

Essa é a maior taxa da série do indicador, iniciada em 2012. Em 3 anos, número de desempregados mais que dobrou no país.

Por Daniel Silveira e Marta Cavallini, G1


O desemprego subiu para 13,7% no trimestre de janeiro a março, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (31) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio da pesquisa Pnad Contínua. De acordo com o IBGE, essa foi a maior taxa de desocupação da série histórica, iniciada em 2012. No 1º trimestre, o Brasil tinha 14,2 milhões de desempregados, também batendo recorde da série histórica.

Taxa de desocupação, segundo a Pnad do IBGE (Foto: Editoria de arte/G1)

Em relação à taxa, as altas são de 1,7 ponto percentual frente ao trimestre de outubro a dezembro de 2016 (12%) e de 2,8 pontos percentuais em relação ao mesmo trimestre de 2016 (10,9%).

Já em relação ao número de desocupados, o contingente cresceu 14,9% (mais 1,8 milhão de pessoas) frente ao trimestre de outubro a dezembro de 2016 e 27,8% (mais 3,1 milhões em busca de trabalho) em relação ao mesmo trimestre de 2016, segundo o IBGE.

Segundo Cimar Azeredo, coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE, desde o 1º trimestre de 2014, o país perdeu cerca de 3 milhões de postos de trabalho com carteira assinada. De acordo com o IBGE, a menor desocupação foi registrada no trimestre encerrado em fevereiro de 2014, quando havia 6,6 milhões de desempregados, ou seja, esse número mais que dobrou em três anos.

“O mercado de trabalho continua a apresentar deterioração. Perdemos mais de 1,8 milhão de postos de trabalho, sendo que cerca de 70% dessa perda foi de empregos com carteira de trabalho assinada”, diz Azeredo.

Já a população ocupada também bateu recorde - é o menor contingente desde o trimestre fevereiro-abril de 2012. No trimestre encerrado em março, eram 88,9 milhões de pessoas no mercado de trabalho. O recuo se deu tanto em relação ao trimestre anterior (-1,5%, ou menos 1,3 milhão de pessoas) como em relação ao mesmo trimestre de 2016 (-1,9%, ou menos 1,7 milhão de pessoas).

“Na passagem do 4º trimestre para o 1º trimestre percebe-se uma redução da população ocupada e consequentemente aumento da desocupação em função da dispensa das contratações temporárias do final do ano. Mas, o que está em questão, é o fato de o Brasil manter esse ritmo da crise no mercado de trabalho”, analisa Azeredo.
Número de pessoas desocupadas, segundo a Pnad do IBGE (Foto: Editoria de arte/G1)

“Não tem absolutamente nada na Pnad Contínua que mostre uma melhoria no mercado de trabalho, na geração de empregos, ou qualquer tipo de recuperação em qualquer tipo de inserção ou grupamento de atividade”, completa o pesquisador.

Carteira assinada

Desse total, 33,4 milhões de pessoas que estavam empregadas no setor privado tinham carteira assinada. Esse número também recuou em ambos os períodos de comparação: frente ao trimestre outubro/dezembro de 2016 (-1,8% ou menos 599 mil pessoas) e ao trimestre janeiro/março de 2016 (-3,5% ou menos 1,2 milhão de pessoas). Segundo o IBGE, foi o menor contingente de trabalhadores com carteira assinada já observado na série histórica da pesquisa.

O pico de trabalhadores com carteira assinada foi registrado no trimestre encerrado em junho de 2014 - 33,9 milhões de trabalhadores.

“Perder postos de trabalho com carteira significa perda de arrecadação da Previdência, perda de seguro- desemprego, perda de garantias trabalhistas. A grande notícia que a Pnad Contínua traz neste primeiro semestre do ano é que o mercado continua destruindo postos de trabalho”, disse Azeredo.

O número de empregados no setor privado sem carteira de trabalho assinada (10,2 milhões) apresentou queda em relação ao trimestre anterior (-3,2%), mas cresceu 4,7% (ou mais 461 mil pessoas) em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O número de trabalhadores por conta própria (22,1 milhões de pessoas) registrou estabilidade em relação ao trimestre anterior (outubro a dezembro de 2016). Em relação ao mesmo período do ano passado, houve queda de 4,6%, ou seja 1,1 milhão de pessoas a menos. “O trabalhador por conta própria, que no início da crise segurou um pouco a população desocupada, mostra uma redução", diz Azeredo.

Já a categoria dos trabalhadores domésticos, estimada em 6,1 milhões de pessoas, se manteve estável em ambos os trimestres comparativos, segundo o IBGE.

Nível de ocupação

O nível da ocupação (percentual de pessoas ocupadas na população em idade de trabalhar) foi estimado em 53,1% no trimestre de janeiro a março, apresentando queda de 0,9 ponto percentual frente ao trimestre de outubro a dezembro de 2016, (54%).

Em relação a igual trimestre do ano anterior, houve retração de 1,7 ponto percentual, quando recuou de 54,7% para 53,1%. Foi o menor nível da ocupação observado desde o início da série da pesquisa.

Rendimento

O rendimento médio foi estimado em R$ 2.110 no 1º trimestre de 2017, estável tanto ante o trimestre de outubro a dezembro de 2016 (R$ 2.064) como mesmo trimestre do ano anterior (R$ 2.059).

Em relação ao trimestre anterior, houve alta para os empregados no setor público (1,9%) e para os trabalhadores domésticos (1,7%). Em relação ao mesmo trimestre de 2016, apenas os empregados no setor público apresentaram variação positiva (4,3%). Nas demais posições, foi estável.

“Há um crescimento do rendimento nominal do trabalhador. Isso mostra que você tem um aumento do poder de compra da população, mas o efeito inflacionário sobre ele fez com que a massa de rendimento se mantivesse estável”, explicou o pesquisador.

Por setores e atividades

Os grupamentos de atividade que mais têm sofrido deterioração dos postos de trabalho é a indústria e a construção. De acordo com Azeredo, desde 2015, a indústria perdeu 1,9 milhão de postos e a construção mais de 800 mil.

“Parte expressiva dessa perda de postos com carteira de trabalho assinada, certamente, vem da indústria, que é o segmento mais organizado e com maior número de formalidade”, diz.

Caged

De acordo com os últimos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), em março as demissões superaram as contratações em 63.624 vagas, resultado de 1.261.332 admissões e de 1.324.956 demissões em março. No acumulado do primeiro trimestre de 2017, o país registrou o fechamento de 64.378 postos de trabalho.

BRASIL FICARÁ INGOVERNÁVEL, DIZ WALTER TAKEMOTO

O Brasil ficará ingovernável se Temer não recuar em reformas, diz Takemoto
Resultado de imagem para Walter Takemoto.
Por Cíntia Kelly

Caso o presidente Michel Temer não recue das propostas reformistas que englobam a Trabalhista e Previdenciária, o Brasil poderá ficar ingovernável. O alerta é do coordenador da Frente Brasil Popular, Walter Takemoto.

"Se mantiverem as propostas como elas estão vamos continuar fazendo essas mobilizações. O Brasil ficará ingovernável", afirmou. 

Em frente ao Shopping da Bahia um minitrio toca um mantra contra o governo Temer. "Por onde ele passa e prejuízo total, o povo brasileiro está vivendo o caos".

JEQUIÉ DESCOBRE MINA DE OURO

Ouro é descoberto em Iramaia e promete retomar ciclo da mineração na Bahia


Cinco alvos promissores para exploração de ouro foram descobertas em Iramaia, na região de Jequié, que prometem reaquecer o mercado do ouro baiano e a economia da região. Pesquisas realizadas pela Companhia Baiana de Pesquisa Mineral (CBPM) identificaram esses depósitos de ouro, com cerca de 4 km de extensão, através do Projeto Jurema Leste.

O estudo feito por mapeamento geológico de detalhe agora aguarda a primeira fase para entrar em execução. “A CBPM pretende abrir um processo de licitação visando atrair empresa parceira que investigue a mineralização, a um custo estimado de US$ 1,5 milhão”, explica Rafael Avena, diretor da CBPM.

Já num segundo ano os trabalhos serão dedicados à exploração da mineralização primária, por meio de sondagens diamantadas, até a profundidade de 220 metros, com a realização aproximada de 11.500 metros de sondagens, a um custo da ordem de US$ 4 milhões.

Dependendo dos resultados dessas sondagens, confirmados os teores de ouro obtidos pela CBPM em seus trabalhos iniciais, o projeto poderá evoluir para um estudo de viabilidade econômica e, posteriormente, para a exploração, com o minério oxidado entrando inicialmente em produção.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jaques Wagner, as perspectivas são muito boas. “Acredita-se que a região de Iramaia possa vir a ser um novo distrito aurífero na Bahia, e este é apenas um exemplo da retomada do crescimento do setor mineral na Bahia”, diz Wagner.

A última edição da revista In The Mine, uma das mais respeitadas do segmento sobre pesquisa geológica e mineração, deu destaque a este projeto do ouro de Jurema Leste, devido ao prospecto que foi apresentado em março numa feira em Toronto, no Canadá, e disponibilizado para investidores interessados na exploração de ouro.

A despeito de todas as projeções negativas feitas no final de 2015 com relação aos preços das commodities minerais para 2016, o mercado reagiu recuperando a demanda e melhorando seus resultados, com os minerais fechando o ano com crescimento dos seus preços e demonstrando boas perspectivas para 2017, à medida que o crescimento econômico global for se recuperando e os mercados se reequilibrarem.

O contínuo programa de estudos, ampliação e aprofundamento do conhecimento geológico do estado, mantém a Bahia como um dos principais territórios de interesse para pesquisa de minerais, recebendo pelo segundo ano consecutivo o maior número de Requerimentos de Pesquisa do país.

VEJA O VÍDEO - GOLEIRO BRUNO VOLTA AO PRESÍDIO

Bruno ficará em cela individual de presídio em Três Corações (MG)

VEJA O VÍDEO - MORADORES ESTÃO REVOLTADOS COM O SAAE

VEJA O VÍDEO - HOJE TEM MUTIRÃO DE CONSULTAS NO HRJ

SU TONANI DECIDE NÃO PROCESSAR JOSÉ MAYER APÓS ACUSAR O ATOR DE ASSÉDIO SEXUAL


Su Tonani decidiu não levar adiante o inquérito contra José Mayer após acusar o ator de assédio sexual nos bastidores da novela "A Lei do Amor". Após faltar a três convites e uma intimação na 32ª Delegacia de Polícia, na Taquara, Zona Oeste do Rio de Janeiro, a figurinista foi à Defensoria Pública do Estado e resolveu não processá-lo. "Considerando as diversas mensagens recebidas originárias desta delegacia visando a possível apuração dos fatos, informa que não deseja representar criminalmente em face de José Mayer", diz o documento assinado pela defensora pública Arlanza Rebello.

'Tenho mesmo que ir?', perguntou Su Tonani

Ao receber uma ligação de um inspetor de polícia, a figurinista chegou a perguntar se precisava mesmo comparecer ao local. "Eu tenho mesmo que ir?", questionou a profissional. Em abril, a revista "Veja" disse que Susllem Meneguzzi Tonani não estava disposta a formalizar a denúncia contra o ator, destaque na mídia internacional após a acusação feita pela figurinista em um blog do jornal "Folha de S.Paulo". Su Tonani acusou Mayer de lhe passar "cantadas" e de ter passado a mão nas suas partes íntimas.

Ator foi afastado de novela

Depois da denúncia vir à tona, José acabou ficando de fora do elenco da novela "O Sétimo Guardião", prevista para estrear em 2018, na faixa das nove. "A Globo decidiu não escalar José Mayer para a próxima novela das nove de Aguinaldo Silva, prevista para ir ao ar em 2018. Essa é uma atitude isenta e responsável da Globo de não dar visibilidade a uma das partes envolvidas numa questão que é visceralmente contra tudo que a Globo acredita. E não é uma atitude isolada", disse Carlos Henrique Schroder, diretor geral da emissora carioca.

José Mayer admitiu assédio contra Su Tonani: 'Errei'

um pouco antes de ser afastado da trama sucessora de "O Outro Lado do Paraíso", substituta de "A Força do Querer", o ator admitiu o assédio em carta escrita por uma assessoria de imprensa contratada por ele. "Minhas brincadeiras de cunho machista ultrapassaram os limites do respeito com que devo tratar minhas colegas. (...) Eu errei. Errei no que fiz, no que falei, e no que pensava", afirmou.

Por Guilherme Guidorizzi

JONATAS FARO É INTERNADO ÀS PRESSAS EM SP. 'INFECÇÃO INTESTINAL', DIZ ASSESSOR

Jonatas Faro é internado às pressas em SP. 'Infecção intestinal', diz assessor

Rahabe Oliveira

Jonatas Faro foi internado às pressas na Santa Casa Anna Cintra, na cidade de Amparo, em São Paulo


O ator Jonatas Faro foi internado às pressas na Santa Casa Anna Cintra, na cidade de Amparo, em São Paulo. De acordo com o jornalista Leo Dias, no programa "Fofocalizando", nesta quinta-feira (27), o artista ficou hospitalizado por alguns dias no local e a causa de sua internação de emergência, até então, não havia sido revelada pela família dele. O que se sabe é que a hospitalização do ex-marido de Danielle Winits - agora casada com André Gonçalves - não é por conta de uma doença física mas, sim, de fundo psicológico. Segundo moradores de Amparo, o rapaz tem sido visto andando mais magro e abatido esporadicamente pelas ruas do interior da terra da garoa.
Assessor de Jonatas Faro alega 'infecção intestinal'

Ao Purepeople, o assessor de imprensa de Faro contou que ele teve uma "infecção intestinal": "O ator Jonatas Faro está de férias após um ano de intensa temporada como protagonista do musical 'Wicked' e agora está no Rio para comemorar o aniversário de seu filho, Guy, feliz da vida. Ele esteve durante dois dias há três semanas atrás no hospital em função de uma infecção intestinal, mas já fotografou campanhas e trabalhou após isso". A última novela de Jonatas foi "Cheias de Charme", em 2012. Desde então, ele tem só participado de musicais e quadros em programas de televisão. A trama, no momento, está sendo reprisada pelo "Vale a Pena Ver de Novo", nas tardes da TV Globo. A atriz Isabelle Drummond, no ar como a personagem Anna em "Novo Mundo", celebrou a volta das empreguetes no ar.

Renata Banhara deixa hospital após 12 dias internada por bactéria no cérebro

Recentemente, Renata Banhara ficou 12 dias no hospital após sofrer uma grave infecção no cérebro e perder parte do movimento da face por conta de uma bactéria desenvolvida por um antigo canal no dente. Depois de passar por duas cirurgias na cabeça, a modelo recebeu alta do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, na última segunda-feira (17).

Ex-mulher de Frank Aguiar ficará em repouso absoluto

A assessoria da empresária, que já criticou a atuação de Susana Vieira como apresentadora, alegou no Instagram que ela precisará de 21 dias de descanso: "Tendo em vista que nesta segunda fase do tratamento não mais será ministrando a necessidade do antibiótico venoso e, sim, apenas através de forma oral, e justamente por ter reagido bem a medicação e precisar de 21 dias de repouso pleno e absoluto, para a continuidade do tratamento de forma 'home care'".

(Por Rahabe Barros)

INFORMATIVO DO VEREADOR AGNALDO MEIRA

Aprovado na Câmara Municipal projeto de lei que autoriza o governo municipal a fomentar eventos agropecuários


Na tarde desta quinta-feira (27), durante sessão extraordinária realizada na Casa Aprígio Duarte foi aprovado projeto de lei nº 3.299/2017, que autoriza o Poder Público Municipal a fomentar eventos Agropecuários realizados no Município de Juazeiro. O vereador Agnaldo Meira (PC do B), é grande incentivador da caprinovinocultura e feiras e demais eventos e ações relacionados a agropecuária da região e apoiou o projeto proposto pelo poder executivo. 

De acordo com o projeto de lei a realização desses eventos será feita de forma isolada ou em parceria com a inciativa privada, com infraestrutura e incentivos, inclusive financeiros através de premiações em torneios e competições. Ainda segundo a medida, o julgamento e a premiação aos vencedores seguirão a critérios técnicos a serem elaborados pela Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária, por meio de Comissão Especial constituída para avaliação e julgamento. 

Para Meira, a medida do Governo Municipal irá fortalecer as práticas culturais e econômicas voltadas a agricultura e pecuária da cidade.


Ascom Agnaldo Meira

INFORMATIVO DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DO ESTADO DA BAHIA

Estado concederá três mil bolsas permanência
para professores prestes a se aposentar


Os professores da rede estadual que já completaram as exigências para a aposentadoria voluntária, com efetiva regência de classe dos Ensinos Fundamental e Médio, que estejam interessados na 'Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe’ já devem se dirigir ao SAC Educação ou às sedes dos Núcleos Territoriais de Educação (NTE) para formalizar o pedido. As normativas sobre o procedimento foram divulgadas, nesta quinta-feira (27), no Diário Oficial pela Secretaria da Educação do Estado, por meio de Portaria. Para dar entrada no pedido, o professor deve preencher a documentação disponível, em anexo à Portaria, no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br).

Ao todo são três mil bolsas, com valores de R$ 800 e R$ 1.600, para os professores com carga horária de 20 e 40 horas, respectivamente. Para o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, “a Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe é uma iniciativa que reflete os esforços empreendidos pelo Governo do Estado para melhorar a educação pública. Afinal, estamos tratando de professores com larga experiência, profissionais que dedicaram suas vidas à escola e que, portanto, podem optar em continuar contribuindo com a educação e com a formação dos nossos estudantes”, avalia.

A Portaria também divulga o quantitativo de bolsas por unidade escolar e disciplina, para que os professores possam dar entrada na solicitação do benefício. A Bolsa de Estímulo à Permanência será paga pela Secretaria da Educação do Estado, mensalmente e exclusivamente durante o ano letivo, e serão levadas em consideração, ainda, áreas do conhecimento em que haja carência de docentes na rede estadual.

Pré-requisitos - Para ser beneficiado, o professor deverá atender a requisitos, como ter completado as exigências para a aposentadoria; estar lotado em uma unidade escolar e ter optado por permanecer em efetiva regência de classe. O benefício será pago por dois anos, prorrogáveis por mais dois, e sobre ele não incidirá contribuição previdenciária. Também não poderá ser utilizado para cálculo de aposentadoria e pensão.

Poderão ser contemplados servidores que obtiverem desempenho individual satisfatório e que não possuem em seus registros funcionais mais de seis faltas injustificadas no ano letivo imediatamente anterior ao do início da percepção da vantagem. O desempenho individual será aferido pelo chefe imediato do servidor interessado em perceber o benefício e comprovado mediante certidão específica. Aquele que exercer as suas atribuições em mais de uma unidade escolar da Rede Estadual de Ensino deverá ser avaliado em ambas as unidades.

O setor de Recursos Humanos da Secretaria da Educação apreciará os pedidos, para a publicação dos contemplados por meio do Diário Oficial do Estado.


Foto: Ilustração/Divulgação
- ASCOM
Secretaria da Educação do Estado da Bahia

quinta-feira, 27 de abril de 2017

REDE GLOBO APERTA SEUS REPÓRTERES

Repórteres da TV Globo ficam indignados com decisão da emissora

Reclamações são ainda mais comuns por entre repórteres veteranos
Reprodução / TV Globo
 VN


A Globo deixou seus repórteres e correspondentes irritados com a nova decisão do diretor-geral de jornalismo, Ali Kamel, que determinou que todo repórter da emissora deverá produzir material também para o canal pago Globo News. As informações são do site NTV.

A medida vale ainda para repórteres da Globo News, que também terão que produzir para a Globo. Os jornalistas da emissora não gostaram da ideia porque terão que trabalhar mais sem ganhar compensação financeira para isso. Além disso, terão que fazer, as vezes, duas reportagens diferentes da mesma pauta.

CACHORRO ESTUPRADO

Cachorro estuprado em Vitória da Conquista é internado em estado grave

Com grave estado de saúde, tratamento é de alto custo
(Foto: Blog do Anderson)
VN

Uma situação pra lá de revoltante repercute em Vitória da Conquista. Uma clínica veterinária da cidade constatou que um cachorro foi estuprado por um homem não identificado. 

O animal chegou ao local com fortes dores, ficando internado para cuidar de uma parte necrosada, além de ter que realocar o pênis na região. Uma sonda está sendo utilizada para possibilitar a realização das necessidades fisiológicas.

Com o grave estado de saúde do animal, moradores iniciaram uma campanha para o tratamento, que é de alto custo.

POL[ICIA ERRADICA 20 MIL PÉS DE MACONHA EM ÁREA PERTENCENTE A VEREADOR

Polícia erradica cerca de 20 mil pés de maconha em propriedade de vereador em Santa Filomena, PE

Vereador confirmou ser o dono da roça. Ele e um agricultor foram levados para a Delegacia em Ouricuri, PE, para prestar esclarecimentos.


Por G1 Petrolina, Santa Filomena

Erradicação de maconha em Santa Filomena (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Cerca de 20 mil pés de maconha foram erradicados nesta quarta-feira (26) no Sítio Seriema, na Zona Rural de Santa Filomena, no Sertão pernambucano. Na Operação, duas pessoas foram detidas, uma delas um vereador de Ouricuri, GildeJânio Coelho Melo, proprietário do local.
GildeJânio Coelho Melo, vereador de Ouricuri (Foto: Reprodução/Site TRE-PE)

De acordo com a Polícia, a operação começou ainda na terça-feira (25) quando a polícia recebeu a informação do plantio. Um agricultor, 33 anos, foi detido. Ele era o responsável pelo cultivo do entorpecente.

O vereador, que confirmou ser o dono da propriedade, afirmou ainda que um outro homem tinha saído com um carregamento da droga pronta para uso em uma caminhonete no dia 17 deste mês, mas não informou para onde o entorpecente foi levado.

Além da plantação, a polícia encontrou ainda mais de 15 kg de sementes da erva e fios de energia elétrica. O vereador e o agricultor foram levado para a Delegacia de Ouricuri para prestar esclarecimentos. Segundo a presidente da Câmara de Vereadores de Ouricuri, Adelúcia Clea, o vereador foi ouvido e liberado em seguida.

A SELFIE DA TRAIÇÃO

Homem flagra namorada dormindo com outro, tira selfie e viraliza nas redes

A imagem foi excluída do perfil do rapaz, mas viralizou nas redes sociais

Agência O Globo


Quando o americano Duston Holloway, de 23 anos, chegou em casa e flagrou a namorada dormindo ao lado de outro homem, aproveitou para tratar a situação com humor. O jovem tirou uma selfie sorrindo para a câmera, enquanto os outros dois aparecem em sono profundo em segundo plano. A imagem foi excluída do perfil do rapaz, mas viralizou nas redes sociais e, desde o último fim de semana, Duston recebeu mensagens de diversos internautas de outros países, parabenizando-o pela forma como ele abordou o flagra.

"Quando você chega em casa e encontra outro homem na sua cama com a pessoa que você amava! Bons homens merecem boas mulheres", escreveu em seu perfil do Facebook.

Foto: Reprodução

Duston respondeu uma das mensagens que recebeu na rede social dizendo que sua primeira vontade era de agredir o homem que estava em sua cama, mas preferiu registrar o fato e não se estressar, levando a situação com bom humor.

"Enviando amor da Suécia", escreveu uma internauta. "Vi sua história na imprensa de Taiwan", disse outra. Além desses, Duston recebeu mensagens da Bélgica, da Turquia, da Tunísia, da Austrália e da África do Sul, entre muitos outros países.

"Pessoas de todo o mundo demonstraram amor!", escreveu Duston nesta segunda-feira, compartilhando várias das mensagens recebidas.

CORPO DO CANTOR EMILIO SANTIAGO VAI SER EXUMADO

Briga por herança leva à exumação de Emílio Santiago
Cantor morreu em 2013 vítima de um AVC
Por Rafael Aloi

Cantor, Emílio Santiago (Dario Zalis/VEJA)

A juíza da 13ª Vara de Família do Rio de Janeiro, Mônica Fabião, determinou a exumação do corpo de Emílio Santiago, morto em 2013, para a realização de um exame de DNA que verifique se o produtor musical Aleksander Nunes é filho ou não do músico.

Segundo o advogado Carlos Magno Ramos Fiuza, que defende o companheiro do cantor, Márcio Tadeu Ribeiro Francisco, a exumação de Santiago está autorizada há um ano e já foi feita uma vez. Em seguida, foi realizado um exame de DNA, que deu negativo. “Mas o garoto discordou do resultado, pois o exame foi feito pela UERJ, onde o companheiro do Emílio leciona, e acredita que a instituição pode ter sido imparcial”, explica Fiuza.

Agora, Aleksander Nunes está em busca de uma instituição que faça um novo exame de DNA de forma gratuita, ou que aceite receber após o serviço, pois não tem condições de arcar com a despesa.

Emílio Santiago morreu aos 66 anos, vítima de um acidente vascular cerebral (AVC), em março de 2013. Sua herança é avaliada em quase 10 milhões de reais.

PDT EXPULSA DEPUTADO QUE VOTOU A FAVOR DA REFORMA TRABALHISTA

Saída de Carlos Eduardo Cadoca (PE) foi comunicada pelo presidente do partido, Carlos Lupi; projeto foi aprovado na madrugada desta quinta (27).
Resultado de imagem para Carlos Eduardo Cadoca

Por Bernardo Caram, G1, Brasília

O deputado Carlos Eduardo Cadoca (PE) será expulso do PDT, após votar a favor do projeto de reforma trabalhista no plenário da Câmara, informou nesta quinta-feira (27) o presidente do partido, Carlos Lupi.

Na madrugada desta quinta, a Câmara aprovou a proposta, com 296 votos a favor e 177 contrários. O texto segue agora para a análise do Senado.

“Diante do resultado da votação da reforma trabalhista ocorrida na noite de ontem, em Brasília, a Executiva Nacional do PDT decide, ad referendum, pela expulsão do parlamentar Carlos Eduardo Cadoca (PE)”, informou Lupi, por meio de nota.

Segundo o documento, a medida respeita a decisão tomada na última convenção nacional do PDT, em 17 de março, quando fechou questão contrária às reformas do atual governo.

“O PDT tem suas raízes históricas e lutas sempre em favor do trabalhador brasileiro. No momento que um governo ilegítimo, imoral e sem qualquer apoio popular decide atacar diretamente as conquistas trabalhistas, o PDT tem a obrigação de ficar ao lado do trabalhador brasileiro”, concluiu.

Em nota, o deputado Carlos Eduardo Cadoca afirmou que a decisão de votar a favor das reformas da Previdência e trabalhista sempre foi explícita. “Não agi às escondidas nem promovendo qualquer tipo de voto surpresa”, disse.

O parlamentar disse que ao ingressar no PDT, deixou claro o seu alinhamento com o governo Temer e que o partido, até então, havia anunciado uma postura de independência em relação ao Palácio do Planalto.

“Não recebo lição ética nem moral de uma figura como Carlos Lupi, presidente nacional do PDT, que foi demitido do governo Dilma acusado de corrupção. Sigo tranquilo, votando de forma independente pelo que acredito e pelo que considero melhor para o país”, concluiu o deputado.

PRRESIDENTE AMERICANO MEXE NA ECONOMIA

Parabéns, América: Trump corta impostos e bomba economia

É um espanto: presidente não ouve conselhos do 'New York Times' nem de atores brasileiros que receitam políticas contracíclicas

Por Vilma Gryzinski

Presentão de cem dias: Trump esfaqueia impostos; nós ficamos só na inveja (Joshua Roberts/Reuters)

Nós estamos um pouco mais ferrados com o corte geral de impostos anunciados por Donald Trump. Como esta é nossa condição natural, aconteça o que acontecer, resta-nos torcer para que a turbinada na economia americana, prevista pelos incentivos fiscais, acabe respingando na nossa sedenta horta.

Países emergentes e américo-dependentes, como o Canadá, sempre têm algo a perder quando o gigante americano fica mais atrativo ainda. O maior corte de impostos com que Trump presenteou os americanos nos seus 100 dias de governo vai para as empresas: a alíquota cai de 35% para 15%, uma redução espantosa.

Para as pessoas físicas, a alíquota máxima cai de 39,6% para “algo no meio dos 30”. Um casal que faça declaração conjunta só precisará pagar impostos a partir de uma renda de 24 mil dólares. “Estamos criando uma alíquota zero, sim, uma alíquota zero, para os primeiros 24 mil dólares de renda de um casal”, disse Gary Cohn, diretor do do Conselho Nacional de Economia, Gary Cohn.

Cohn foi criticado pelos anti-trumpistas e por trumpistas também por ter saído do Goldman Sachs, o gigantesco banco de investimentos que se tornou sinônimo dos abusos quase suicidas praticados pelo mercado financeiro.

Se a economia bombar, como planejam Trump e equipe econômica, Gary Cohn será propulsionado à posição de gênio. Ou, pelo menos, de futuro presidente do FED, o banco central americano. O mercado está fervilhando diante da perspectiva de que ele venha a substituir a muito capaz, porém pouco entusiasmante Janet Yellen, cujo mandato termina no ano que vem.

PROBLEMA BÃO

Os cortes de impostos tiram 600 bilhões da economia. Como serão compensados? Políticas contracíclicas tais como recomendadas por atores e cantores no caso do Brasil e tão brilhantemente aplicadas por nossa ex-presidente e eventual palestrante em Harvard? Injeções cósmicas de dinheiro tais como defendidas pela mesma Janet Yellen?

Supresa, surpresa: Trump e equipe pretendem compensar a perda com um crescimento de “ “3% ou mais” da economia, nas palavras de Steve Mnuchin, secretário do Tesouro. Sustentada evidentemente, pois um crescimento econômico turbinado tende a aumentar a inflação.

Trump já disse que quer manter o dólar barato, para aumentar a competitividade dos exportadores americanos, e os juros baixos. Conciliar aquecimento da economia e controle inflacionário não exige exatamente uma convenção de prêmios Nobel de Economia. Além disso, como se diz no interior do bioma São Paulo-Sul de Minas- Goiás: eta problema bão, sô.

A reforma fiscal vai “beneficiar significantemente os ricos”, bufou o New York Times – não é nada de pessoal contra o jornal, ele apenas é o avatar que personifica todo o jornalismo distorcido pelo ódio a Trump.

Nesse caso, inclusive, o jornal tem razão. A reforma fiscal favorece quem tem dinheiro em fundos de investimentos e alivia a carga sobre a transmissão de fortunas. Mas fato de que pequenas empresas também são muito favorecidas, incentivando a criação de novos empregos, não pode ser escamoteado.

TIROS NOS PÉS

O New York Times também acha que “a evidência de uma decolada real na economia é escassa” e que os mercados estão bombando porque se basear “até agora em perspectivas”. Quem diria, mercado que se baseia em perspectivas? Uma novidade jamais vista antes. Deve ser uma invenção maligna do Trump.

O tom levemente irônico das frases acima deve ser atribuído a uma certa exasperação provocada pelo espetáculo constrangedor de grandes jornais dando sucessivos tiros nos próprios pés.

Em todas as áreas, as distorções provocadas por sentimentos pessoais de jornalistas em relação a assuntos relacionados a Trump levam-nos a enrascadas autoprovocadas. A revista Economist, por exemplo, adverte que, em relação à Coreia do Norte e seus abusos mais recentes, “querer fazer alguma coisa rapidamente tem muito apelo emocional”.

O que Trump fez até agora: armou um acordo com a China para resolver a questão politicamente. Como quem quer paz com agentes descontrolados, precisa levar um porrete bem grande, deslocou para a região a força de ataque do porta-aviões Carl Vinson e uns submarinos nucleares.

Também já estão sendo instalados na Coreia do Sul o sistema de mísseis interceptadores chamado THAAD – aliás, um programa corretamente aprovado já no fim do governo Obama.

Ah sim. Um especialista em material bélico e conflitos do Hudson Institute entrevistado pela Fox News – quem mansa grande mídia americana – disse que parte dos equipamentos desfilados na Coreia do Norte é fake.

Atém dos mísseis chingling, ele constatou as seguintes falsificações: lança-granadas na verdade são na verdade pentes de munição, projéteis afixados no cano de fuzis são uma invenção inócua e até os óculos dos artilheiros não são balísticos, ou seja, talvez sirvam para um banho de sol, não para proteger os olhos em situação de disparos reais.

O exército de Kim Jong-un é um tigre de plástico. Quem acredita que Donald Trump e todos os generais do alto comando militar dos Estados Unidos são burros, naturalmente, continua a achar que os americanos são um tigre de papel.

VEJA O VÍDEO - IMÓVEIS DO MIHA CASA MINHA VIDA CORREM O RISCO DE DESABAMENTO

Imóveis do 'Minha Casa Minha Vida' em Juazeiro têm barras de ferro sustentando teto

Rachaduras e infiltrações preocupam residentes dos apartamentos. Além disso, há apartamentos que estão prontos e ainda não foram entregues,

Por G1 BA

VEJA O VÍDEO - PRODUTORES DE CEBOLA ENCONTRAM DIFICULDADES NA REGIÃO

HOMEM É PRESO NO DETRAN AO TENTAR TRANSFERIR VEÍCULO

Homem é preso na sede do Detran ao tentar transferir carro roubado para o próprio nome

Caso ocorreu em Salvador. À polícia, suspeito disse que não sabia que o veículo era roubado, e que teria comprado por R$ 40 mil, em Feira de Santana.

Por G1 BA
Homem é preso no Detran com um carro roubado (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um homem foi preso após tentar transferir um carro roubado para o próprio nome, no Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-Ba), em Salvador. O suspeito, de prenome Luiz Alberto, foi preso em flagrante por policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV), em posse de um uma picape de cor prata. O caso ocorreu na última terça-feira (25).

De acordo com a polícia civil, o veículo foi roubado em Feira de Santana, em novembro de 2016. Na delegacia, Luiz Alberto disse aos policiais não saber da origem ilegal do automóvel, e que o teria comprado por R$ 40 mil em Feira de Santana. Ele não soube, no entanto, descrever quem teria vendido o carro.

Após revista em seus pertences, a polícia encontrou ainda drogas que aparentavam ser maconha e haxixe. Luiz Alberto foi autuado pelo delegado Marcelo Tannus por receptação e posse de drogas. Ele foi encaminhado para o Núcleo de Prisão em Flagrante da Justiça.

VEJA O VÍDEO - EUA E COREIA DO SUL REALIZAM EXERCÍCIOS MILITARES

O LUCRO DO BRADESCO É DE DAR ÁGUA NA BOCA

Lucro do Bradesco chega a R$ 4,07 bilhões no 1º trimestre de 2017

Resultado foi 1,2% menor em comparação com o mesmo período do ano passado.

Por G1
Homem caminha em frente à agencia do Banco Bradesco na Avenida Berrini, na zona sul de São Paulo (Foto: Marcelo Brandt/G1)

O Bradesco anunciou nesta quinta-feira (27) ter registrado lucro líquido contábil de R$ 4,07 bilhões no primeiro trimestre de 2017, uma queda de 1,2% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando o resultado foi de R$ 4,12 bilhões.

Em comparação com o trimestre anterior, quando o lucro foi de R$ 3,59 bilhões, houve alta de 13,3%.

O índice de ínadimplência superior a 90 dias chegou a 5,6%, acima dos 4,2% registrados no primeiro trimestre de 2016. O resultado também é superior do que os 5,5% registrados no quarto trimestre de 2016.

Segundo o Bradesco, o índice de inadimplência chega a 5,2%, desconsiderando um cliente corporativo específico, que já estava provisionado (5,5% em dezembro de 2016 e 4,2% em março de 2016).

A carteira de crédito chegou a R$ 502,71 bilhões em março, uma queda de 2,4% em relação ao saldo de dezembro, de R$ 514,99 bilhões. Na comparação com o mesmo período do ano passado, com resultado de R$ 463,20 bilhões, houve aumento de 8,5%.

A provisão para perdas esperadas com calotes totalizou R$ 4,86 bilhões no primeiro trimestre de 2017, uma queda de 10,8% em comparação com o mesmo período do ano anterior, quando o resultado foi de R$ 5,44 bilhões. Também houve queda na comparação com o trimestre imediatamente anterior, de 12%, quando foram registrados R$ 5,52 bilhões.

As despesas administrativas do Bradesco com pessoal de janeiro a março chegaram a R$ 9,676 bilhões, um aumento de 22,9% na medição anual (R$ 7,87 bilhões). Já na comparação com o trimestre anterior, o resultado caiu 7,7% (R$ 10,48 bilhões).

O braço de seguros, que responde por cerca de um terço do resultado do grupo, teve queda de 8,7% do lucro sobre o trimestre anterior e de 0,4% ano a ano, para R$ 1,37 bilhão. O declínio reflete entre outros fatores o avanço da sinistralidade e o volume de indenizações pagas.

O retorno sobre patrimônio líquido médio ajustado (ROE) do Bradesco, índice que mede como o banco remunera seus acionistas, ficou em 18,3%, ante 17,5% um ano antes e 17,6% no fim de 2016.

A margem financeira se manteve praticamente estável no primeiro trimestre deste ano em comparação com os três meses anteriores, indo de 16,74 bilhões para 15,90 bilhões. A taxa média da margem de juros acumulada em 12 meses saiu de 7,5% em dezembro para 7,4% em março.

Previsões

O Bradesco prevê que em 2017 o montante para despesas de provisões para calotes será de R$ 21 bilhões a R$ 24 bilhões.

O banco também estima que o ano será fraco para crédito, período para o qual previu expansão de 1 a 5%. Além disso, diante do ciclo de queda da Selic, a estimativa para margem financeira com juros pró-forma foi fixada no intervalo de queda de 4% a 0%.

Por outro lado, a instituição previu para suas despesas operacionais em 2017 um intervalo que vai de queda de 1% até alta de 3%, também na base pró-forma.