RADIO WEB JUAZEIRO : GANHANDO A LIBERDADE

sexta-feira, 17 de março de 2017

GANHANDO A LIBERDADE

Operação Lava Jato: Youssef deve retirar tornozeleira e ganhar liberdade na nesta sexta

O doleiro Alberto Youssef deve retirar nesta sexta-feira (17) a tornozeleira eletrônica que usou nos últimos quatro meses e ganhar liberdade no âmbito da Operação Lava Jato. A data de retirada foi prevista na decisão em que o juiz Sergio Moro autorizou a mudança de regime de fechado para domiciliar. Também nesta sexta a Operação Lava Jato completa três anos. Youssef foi condenado por crimes cujas penas somam 117 anos de prisão, mas ganha liberdade mais cedo graças a um acordo de delação premiada - o doleiro foi um dos primeiros delatores da operação. Apontado um dos operadores financeiros que atuavam na lavagem de dinheiro oriundo de propina, Youssef cumpridu dois anos e oito meses na carceragem da Polícia Federal em Curitiba, com saída em novembro. De acordo com o G1, Youssef foi preso por atuar na lavagem de dinheiro promovida por diretores do Banco do Estado do Paraná (Banestado), que causou rombo de R$ 1 bilhão aos cofres públicos. Na época, em 2005, o doleiro entregou os nomes de diversas pessoas envolvidas na fraude e caminhos para que o dinheiro pudesse ser rastreado. No acordo, Youssef ficou proibido de operar no mercado ilegal de moedas e de cometer novos crimes por dez anos, sob pena de voltar a responder os processos do caso Banestado. Como descumpriu o acordo, alguns processos começaram a ser reabertos, mas a nova delação da Lava Jato incluiu o caso nas cláusulas dos novos benefícios, isentando Youssef de ser condenado pelas fraudes.

BN

ORTHO100

ORTHO100
.