RADIO WEB JUAZEIRO : PREFEITO DE PETROLINA AVALIA O CARNAVAL

PARA VOTAR NA RADIO, CLIQUE AQUI

.

.

VOCE ACHA QUE TEMER VAI

quarta-feira, 1 de março de 2017

PREFEITO DE PETROLINA AVALIA O CARNAVAL

Miguel Coelho avalia carnaval em Petrolina: 'conseguimos fazer o nosso dever de casa'

Nossa Voz 


‘Sou o novo carnaval’: o tema escolhido pela Prefeitura de Petrolina para o Carnaval 2017 não foi em vão e o balanço que o prefeito da cidade, Miguel Coelho (PSB) e a Secretária de Cultura, Maria Elena, fizeram foi positivo. “Chegar aqui e ver essa praça 'tomada' de gente enche o nosso coração. Sabemos que estamos no caminho certo”, disse o chefe do executivo. A festa aconteceu entre os dias 25 e 28 de fevereiro, com dois polos de festa: Polo Orla e Praça 21 de Setembro


Em entrevista, Miguel Coelho explicou que o carnaval deste ano priorizou artistas e bandas locais, com recursos provenientes do Governo do Estado e patrocinadores, somando mais de 700 mil reais. Ainda de acordo com ele, pouco mais de 300 mil foram provenientes de fundos próprios da prefeitura. “Desde o começo detectamos a dificuldade financeira que a Prefeitura passava, mas jamais desistimos de realizar o carnaval. E eu também fui muito claro desde o início de que se não fossem as boas parcerias como o Governo do Estado e as empresas privadas, nós não teríamos condições de fazer”, disse o prefeito.


O prefeito explicou que poucos artistas eram de outras localidades e que isso refletiu a valorização da cultura pernambucana. “Sempre foi uma critica muito grande que os artistas de casa eram deixados de lado. Mas dá para fazer uma grande festa com bandas locais. Das 34, apenas duas são de fora”, disse. Durante os quatro dias, ocorreram a apresentação de mais de 30 grupos, incluindo orquestras, bandas e fanfarras. Entre as atrações principais estavam os cantores Maciel Melo, Geraldo Azevedo, André Rio e a banda Araketu. “Nosso povo é muito exigente, nosso povo gosta de coisa de qualidade”, acrescentou.


Carnaval 2018 – O Carnaval mal acabou e uma equipe já pensa nos preparativos do festejo para o próximo ano, como explicou a Secretária de Cultura, Maria Elena. Ela explicou que foi uma 'surpresa' a quantidade de foliões nos polos de concentração da festa. “O ano que vem vamos ter um polo maior, pensamos em 25 mil pessoas por dia, mas superou. Tá mais do que provado que o povo petrolinense valoriza a cultura local. Nem sempre o melhor o que vem de fora”, afirmou.


São João – Festejo consolidado no calendário anual de Petrolina, o São João é o próximo desafio do prefeito de Petrolina quando o assunto é festa. Ele explicou que a data é mais tradicional e que cabe do gestor definir as prioridades. “A gente movimenta o comércio, aquece a economia e devolve a autoestima das pessoas. Conseguimos fazer o nosso dever de casa”, disse.