RADIO WEB JUAZEIRO : CASO MADELEINE CONTINUA UM MISTÉRIO

terça-feira, 18 de abril de 2017

CASO MADELEINE CONTINUA UM MISTÉRIO

Babá de Madeleine, desaparecida há dez anos, revela detalhes nunca contados

Pais olham cartaz de menina desaparecida 
Foto: Reuters

Jéssica Lauritzen

A babá que cuidava da menina Madeleine McCann, inglesa desaparecida desde 2007, quebrou o silêncio e contou detalhes sobre o que aconteceu naquela noite no complexo turístico da Praia da Luz, no Algarve, em Portugal. Em entrevista exclusiva ao "Mirror", ela fala sobre como os pais entraram em total desespero e pânico ao saberem do sumiço da filha, faz críticas sobre as brechas deixadas durante o trabalho de perícia e investigação policial, e conta como o resort em que estavam, popular entre turistas britânicos, já apresentava sinais de perigo para quem trabalhava por lá. 

A tutora diz ainda ser atormentada com a imagem do pai de Madeleine, Gerry, tentando encontrá-la até mesmo debaixo dos carros enquanto a profissional tentava consolar a mãe, Kate, que chorava muito, quase em estado catatônico, frisa. "Eles a levaram", ele dizia, segundo a babá. Por tudo isso, a cuidadora ficou surpresa quando surgiram acusações sobre os pais da menina, o que ela acredita serem equivocadas.

Ela revela que o resort de onde Madeleine, de três anos, desapareceu era considerado tão inseguro que era as babás recebiam alertas sobre risco de estupro e orientações para não saírem sozinhas.

A ex-babá também criticou a forma como a polícia portuguesa tratou o caso. Segundo ela, os agentes demoraram cerca de 90 minutos para chegar ao local, após serem acionados. A profissional também disse que, posteriormente, deixaram de lado várias páginas do depoimento que deu na delegacia, considerando apenas duas de um total de cinco páginas.

Muitas pessoas entravam e saíam do apartamento onde Madeleine foi deixada dormindo, antes de desaparecer, o que também dificultou a perícia, de acordo com ela.

Passados dez anos do desaparecimento da menina, a babá ainda guarda esperanças de um final menos triste.

"Eu espero que ela ainda esteja viva. É um pensamento provavelmente muito ingênuo, mas seria o melhor cenário, de uma situação muito horrível, que ela tenha sido procurada e levada por uma pessoa rica que não tenha tido filhos", disse a babá.

ORTHO100

ORTHO100
.