RADIO WEB JUAZEIRO : HISTÓRIAS QUE A VIDA CONTA

PARA VOTAR NA RADIO, CLIQUE AQUI

.

.

VOCE ACHA QUE TEMER VAI

quarta-feira, 12 de abril de 2017

HISTÓRIAS QUE A VIDA CONTA

No casamento o cão salta sobre uma garota. Quando ele explode em pedaços, os convidados entendem o motivo!


O ataque de um canino é algo horrível. É algo que não conseguimos explicar até que seja realmente explicado. Confuso não é? Por vezes os animais sentem o perigo e atacam os seres humanos mais improváveis e isso nos deixa furiosos.


Por não sabemos as razões do ataque, simplesmente achamos que aquela pessoa em particular não merecia ser atacada. Mas e se tudo à sua volta desmoronasse e você se apercebesse de que fez um julgamento errado? Por vezes as aparências iludem, é por isso que devemos ser menos preconceituosos e mais atentos às excelentes capacidades dos animais.

Em uma pequena cidade nigeriana todos se juntaram para celebrar um evento feliz, a união entre duas pessoas apaixonadas.

Mas o imprevisto aconteceu: No meio da cerimônia um cachorro saltou sobre uma garotinha que se dirigia aos convidados. Todos ficaram perplexos com o que o animal fez. Mas porque um patudo faria algo tão macabro? Quais seriam suas razões? Teria ele alguma?

Vindo do nada, um som horripilante caiu sobre todos os que ali se encontravam. BOOM! Uma explosão!


A menina não era apenas uma criança inocente. Era uma suicida, enviada pelo Boko Haram. Os terroristas não exitam em usar crianças pequenas para conseguirem atingir seus objetivos. Afinal de contas, quem suspeitaria de uma criança?

A tragédia aconteceu em um mercado de Maiduguri. Infelizmente o canino não sobreviveu mas foi graças a ele que mais ninguém ficou ferido, segundo afirma Victor Isuku, porta-voz policial nigeriano.


Se o peludinho não tivesse agido sobre a menina, o número de vítimas ainda estaria por apurar. Ele não só detetou o perigo como também sacrificou sua vida para salvar a de todos os convidados. Hoje prestamos nossas homenagens a ele e a todos os cachorros que por esse mundo fora que de uma forma ou de outra são heróis.