RADIO WEB JUAZEIRO : INFORMATIVO DO VEREADOR REINALDO SABINO

quarta-feira, 5 de abril de 2017

INFORMATIVO DO VEREADOR REINALDO SABINO


Ao: Presidente da Câmara Municipal de Juazeiro-BA.

Sr. Alex Tanuri

MOÇÃO DE APLAUSO Nº 012 / 2017.

“A Câmara de Vereadores de Juazeiro, requer Moção de Aplauso AO DIA DO JORNALISMO”.

Senhor Presidente,

O Vereador que o presente subscreve vem nos termos regimentais desta Augusta Casa de Leis requerer Moção de Aplauso aos jornalistas, em especial aos que atuam em Juazeiro e região.

JUSTIFICATIVA

Tal pedido se faz em reconhecimento aos profissionais da informação que divulgam os principais fatos baseados na ética e no profissionalismo. A imprensa possui um papel fundamental na fiscalização e na denúncia de atos irregulares na sociedade. No Brasil.

O Dia do Jornalista passou a ser comemorado em uma única data a partir da intervenção da Associação Brasileira de Imprensa, que instituiu o 7 de abril.

Nessa data, em 1831, o imperador dom Pedro I teve de abdicar do trono após um grande desgaste político que teve como elemento de combustão o assassinato do jornalista e médico Giovanni Baptista Líbero Badaró, redator do Observador Constitucional. O patrono do jornalismo brasileiro foi atingido por um tiro quando participava, em 22 de novembro de 1830, em São Paulo, de uma passeata de estudantes em comemoração aos ideais libertários da Revolução Francesa.

O crime foi atribuído à autoridade que representava o braço judiciário, mas a imprensa liberal afirmou que a morte teria sido encomendada pelo imperador. Líbero Badaró precisava ser morto porque seu proselitismo em favor da liberdade de expressão incomodava o regime. Em seu jornal denunciava os desmandos e excessos cometidos pelos governantes. A morte do jornalista provocou uma corrente de indignação que repercutiu em toda a imprensa e na sociedade. Líbero Badaró, após ser atingido pelo tiro, agonizou por 24 horas e deixou a célebre frase: “Morre um liberal, mas não morre a liberdade”. Assim se tornou um símbolo da liberdade de imprensa no Brasil. Um século depois de sua morte, em 1931, a data foi instituída pela Associação Brasileira de Imprensa como o Dia do Jornalista. Desde já quero parabenizar a todos os jornalistas da região e do Brasil, especialmente a vocês que cobrem as sessões nesta Casa Legislativa. Esta minha saudação, visa tão somente homenagear e valorizar à todos vocês jornalistas. Sabemos das lutas que vocês tem tido para que cada vez mais seus direitos sejam respeitados. Sabemos ainda, que amargam uma realidade com baixos salários, uma estressante carga de trabalho, pois, a maioria tem que se desdobrar em dois ou mais empregos, assédio moral, cerceamento, uma falsa liberdade quando enveredam para a cobertura de assuntos políticos, polêmicos e conflitantes, o jornalismo é necessário para a democracia; a verdade ainda continua incomodando. Sabemos das vossas lutas, não só para garantir vossos direitos, mas também para manter a liberdade de expressão e de imprensa, direitos individuais inalienáveis que precisam urgentemente ser vistos como um direito coletivo que garanta a pluralidade de vozes. Que todos continuem sonhando com dias melhores para a nossa sociedade e que as relações sejam mais justas, mais iguais, verdadeiras e menos corruptas.

Diante do exposto solicito aos nobres pares que votem favorável a presente Moção de Aplauso.

Sala das Sessões da Câmara Municipal, 04 de abril de 2017.


Reinaldo Sabino
Vereador ( PCdoB )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

ORTHO100

ORTHO100
.