RADIO WEB JUAZEIRO : POLÍCIA INVESTIGA MORTE DE MÃE E FILHA TRANCADAS NUMA SAUNA

PARA VOTAR NA RADIO, CLIQUE AQUI

segunda-feira, 17 de abril de 2017

POLÍCIA INVESTIGA MORTE DE MÃE E FILHA TRANCADAS NUMA SAUNA

Polícia investiga morte de mãe e filha trancadas em sauna, na República Tcheca
Mãe e filha ficaram presas em sauna na casa da vizinha
 Foto: Divulgação/Polícia
Extra

Duas mulheres ficaram presas em uma sauna e morreram, na cidade de Jicin, na República Tcheca. Mãe e filha, elas estavam na sauna da casa de uma amiga, mas não conseguiram sair porque a fechadura se quebrou. De acordo com a polícia, elas ficaram por mais de 90 minutos expostas ao calor extremo e não resistiram.

Antes de morrerem, as duas conseguiram quebrar a pequena janela de vidro na porta da sauna, no desespero para fazer o ar quente sair do cômodo ou até mesmo abrir a maçaneta por fora, mas a brecha não foi suficiente. As mulheres foram encontradas, já sem vida, pela dona da casa, que suspeitou da demora das amigas.

Fechadura quebrou e vítimas tentaram quebrar vidro da porta para sair da sauna Foto: Divulgação/Polícia

As vítimas, cujos nomes não foram revelados, tinham 65 e 45 anos. O serviço de emergência foi acionado e declarou mãe e filha mortas na cena da tragédia, no sábado. Os policiais agora investigam se o caso resultou de um acidente ou de um homicídio. Os corpos de mãe e filha foram encaminhados para a autópsia.

"O corpo tenta compensar o calor com aceleração do batimento cardíaco, dilatação dos vasos sanguíneos, para ajustar a temperatura. É claro que, quanto maior o tempo nessa situação, há a distribuição reduzida de oxigênio para os tecidos, o que pode causar convulsões, levar ao coma ou até à morte", explicou à TV Prima, o porta-voz da emergência que anunciou a morte das vítimas, Hradec Kralove Ivo Novak, paramédico com 20 anos de experiência.

Polícia investiga a morte de mulheres em sauna
 Foto: Divulgação/Polícia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.