RADIO WEB JUAZEIRO : JOVEM DESAPARECIDO

PARA VOTAR NA RADIO, CLIQUE AQUI

.

.

VOCE ACHA QUE TEMER VAI

terça-feira, 16 de maio de 2017

JOVEM DESAPARECIDO

Jovem deixa cursinho e desaparece. Família busca informações

Karine Paixão 


Bruno Matheus Deolino, 18 anos, seguia sua rotina normal na ultima segunda-feira (15). Acordou cedo, foi com os pais a lanchonete da família e seguiu para o curso pré-vestibular, no bairro Vila Mocó. Seu percurso mudou quando por vota das 09h avisou aos professores que precisava sair. Daí em diante não foi mais visto pelos familiares e amigos. Segundo relato de sua prima, ele ainda falou com a mãe por um aplicativo de mensagens e avisou que seu celular estava descarregando. Bruno deixou uma carta reafirmando o amor pelos pais onde estiver e finalizou com a frase “vida que segue”. A família não compreende o motivo do desaparecimento. 

“O comportamento dele estava supernormal, ele não estava agressivo, que geralmente é o caso, não estava. Estava muito alegre e não tinha indício nenhum de quele faria isso”, relata Sarha Celma Batata, prima do jovem. 

Ao procurar a redação do Nossa Voz na manhã desta terça-feira (16) ela pede ajuda da população para localizá-lo. “Eu peço a sociedade que compartilhe as fotos que estão indo nos grupos e Facebook, em todas as redes sociais, nos ajudem porque é uma família que está sentindo muita dor e ele, onde estiver, que possa estar ouvindo saiba Bruninho que a gente te ama muito. Não sinta vergonha de voltar, volta pra gente que você é muito especial pra vida de cada um de nós. De primos, tios, de vó, todos estão sentindo muito a sua falta. Se você estiver ouvindo esse apelo, volta pra gente. Eu peço a sociedade que nos ajude porque tem uma mãe nesse momento que chora sem saber onde está seu filho”. 


Sarha relata ainda que a família tem parentes em Minas Gerais e no Pará, mas seus membros nem imaginam onde Bruno poderia estar. “Não passa pela nossa cabeça onde ele possa estar, nenhuma cidade, nada. A gente já parou, passamos a madrugada sem dormir pensando onde ele poderia estar. Não tem nada que nos indique uma solução”.

Quem tiver informações sobre o caso pode contatar os parentes do jovem. “Entre em contato com o telefone (87) 98808-2505, falar com Wilma, (87) 98826-4380, falar com Gilson, que é o pai dele e (87) 98808-3023, que é tio dele, Davi. Qualquer pessoa que puder nos ajudar liguem para esses números. Onde ele estiver, gente ajude, é o desespero de uma família”.