RADIO WEB JUAZEIRO : RECUPERANDO AS NASCENTES DO VELHO CHICO

quinta-feira, 1 de junho de 2017

RECUPERANDO AS NASCENTES DO VELHO CHICO

Codevasf divulga plano para preservar e recuperar nascentes do rio São Francisco

Miriam Hermes

O trabalho está na quarta etapa com validação de 33 nascentes
Zinclar (Chesf) l Divulgação

Como parte da programação da Semana do Meio Ambiente, organizada pela prefeitura de Bom Jesus da Lapa (a 777 km da capital), técnicos da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) divulgaram nesta quarta-feira, 31, o Plano de Preservação e Recuperação de Nascentes da Bacia do Rio São Francisco.

Também denominado de Plano Nascente São Francisco, o programa foi lançado em dezembro de 2016 e começou a ser implementado pela 2ª Superintendência da Codevasf, como projeto-piloto no município de Santana. A cidade foi escolhida por possuir perfil previamente definido, tendo como uma das premissas a importância hídrica em número de nascentes e pessoas afetadas por este manancial.

De acordo com a coordenadora da Unidade de Meio Ambiente da 2ª Superintendência, com sede em Bom Jesus da Lapa, Izis Alves, o trabalho está na quarta etapa, com a caracterização e validação das 33 nascentes identificadas previamente em um trabalho conjunto com as comunidades atingidas.

Para ela, que é engenheira sanitarista e ambiental, a surpresa boa foi identificar “grande número de nascentes preservadas e, entre as degradadas ou perturbadas, ótima receptividade por parte dos proprietários dos terrenos para colaborar com a recuperação”. A próxima etapa será a elaboração de um plano de execução para cada nascente.

Escolha

No município foram reconhecidos, inicialmente, com necessidade de intervenção 11 locais. As comunidades situadas no entorno destas nascentes e nas áreas de recarga já passaram por encontros com equipes técnicas para conhecer a proposta.

Formado por mais de 30 nascentes, o riacho de Santana, principal tributário do município, faz parte da sub-bacia do rio Corrente.

Conforme dados do plano de recuperação hidroambiental, o Corrente é um dos afluentes do Velho Chico de maior contribuição de vazão e também do aporte de sedimentos.

ORTHO100

ORTHO100
.