RADIO WEB JUAZEIRO : POLICIA MATA HOMEM SURDO QUE NÃO OUVIU OS COMANDOS

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

POLICIA MATA HOMEM SURDO QUE NÃO OUVIU OS COMANDOS

Dois policiais envolvidos na ação, que podem responder por homicídio, foram deslocados a serviços administrativos durante a investigação

Agência O Globo

Magdiel Sanchez foi morto Foto: Reprodução/Twitter

Um homem surdo foi morto com um tiro em sua varanda pela polícia de Oklahoma, nos Estados Unidos. Os agentes gritavam para que ele largasse uma suposta "arma" e deitasse no chão enquanto vizinhos tentavam avisar sobre a deficiência auditiva dele. Magdiel Sanchez, de 35 anos, foi atingido por um disparo e por uma pistola de choque quando agentes procuravam o seu pai, envolvido em um atropelamento na cidade.

A polícia argumentou que Sanchez segurava um cano de 60 centímetros e que havia "começado a se mover" com ele. Os agentes pediram reforço. O capitão Bo Mathews explicou que o homem não respeitou os comandos verbais e foi em direção aos policiais.

Mas a vizinha Julio Rayos contou à "NewsOk" que os policiais atiraram mesmo com os gritos de moradores de que Sanchez era surdo e não podia ouvi-los. Ele relatou que o vizinho tinha problemas de aprendizado e mal falava. Para ela, o gestual de Sanchez era sua maneira frustrada de se comunicar com os policiais.

O capitão, no entanto, defendeu os agentes e argumentou que, em situações voláteis, em que há uma arma, os policiais focam na ameaça e não conseguem ouvir mais nada ao redor.

Alvo da polícia após um atropelamento que não deixou mortos, o pai de Sanchez confirmou que o filho era surdo. Os dois policiais envolvidos na ação, que podem responder por homicídio, foram deslocados a serviços administrativos durante a investigação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

ORTHO100

ORTHO100
.