RADIO WEB JUAZEIRO : REGIÃO DO SÃO FRANCISCO FOI SACUDIDA COM A INFORMAÇÃO DE QUE O ASSASSINO DA MENINA BEATRIZ TIVESSE SIDO ENCONTRADO

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

REGIÃO DO SÃO FRANCISCO FOI SACUDIDA COM A INFORMAÇÃO DE QUE O ASSASSINO DA MENINA BEATRIZ TIVESSE SIDO ENCONTRADO

Polícia não confirma ligação entre preso em Lagoa Grande e assassinato de Beatriz Mota


Está circulando e repercutindo nas redes sociais na internet, imagens de uma ação policial ocorrida na cidade de Lagoa Grande, com a prisão de um homem que, conforme informações não oficiais, poderia ser o assassino da menina Beatriz Mota, assassinada brutalmente em dezembro de 2015 durante uma festa de formatura em um colégio particular de Petrolina.


Nas imagens, é possível ver um homem de estatura média, cor parda, olhos e cabelos negros, características similares às do assassino da menina, cuja as imagens foram divulgadas pela Polícia e familiares. A redação do Nossa Voz entrou em contato com o delegado Marceone Ferreira que afirmou o homem preso na tarde desta segunda-feira, dia 30, é um suspeito de homicídio em Lagoa Grande. Entretanto, o mesmo não confessou o nenhum dos dois crimes. Questionado quais os indícios que levam a crer que o homem possa ser o assassino de Beatriz Mota, o delegado foi enfático e afirmou que apenas a aparência, mas que investigará o caso. “Não temos pcomo provar ainda, vamos fazer as perícias necessárias”, explicou.


O suspeito de matar Beatriz Mota, segundo características apresentadas pela investigação, tem cerca de 1,65m de altura, pele morena, com entradas acentuadas de calvície, queixo afilado e magro de pernas e braços finos. A Polícia Civil acredita que o homem trajava uma blusa verde ou azul e calça jeans no dia do crime.

Em nota, a Polícia Civil de Pernambuco esclarece que realizou a escuta de um suspeito preso, nesta segunda-feira (30/10), pela Polícia Militar, no município de Lagoa Grande, sertão pernambucano. 

Durante o interrogatório, o homem não confessou envolvimento na morte de Jean da Silva Santos, de 29 anos, ocorrida no último sábado (28/10), motivo pelo qual foi detido. E nem no assassinato da menina Beatriz Angélica Mota, morta, em dezembro de 2015, numa festa da escola, em Petrolina, também Sertão do Estado. 

Cumprindo protocolo padrão realizado pelas polícias, a saliva do homem foi colhida pela Polícia Científica, no IML de Petrolina. O material genético será comparado ao material recolhido na faca utilizada no crime de Beatriz. O resultado do DNA deve sair em 10 dias, quando as Polícias Civil e Científica irão se pronunciar sobre o fato.

Gabriela Canário

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

ORTHO100

ORTHO100
.