RADIO WEB JUAZEIRO : TATUAGEM NOS SEIOS

terça-feira, 3 de outubro de 2017

TATUAGEM NOS SEIOS

Tatuador e ONG fazem parceria para atender mulheres mastectomizadas

Cláudia recebeu uma tatuagem que reproduz um mamilo em seu seio após feita a mastectomia Foto: Arquivo pessoal

Louise Queiroga

Após passar por uma mastectomia, receber uma tatuagem reproduzindo um mamilo em seu seio "foi um sonho realizado" para Cláudia Araújo, de 41 anos. Ela foi a primeira mulher a participar da parceria formada entre o tatuador Daniel Tucci, de 44 anos, do estúdio King Seven Tattoo, e a produtora cultural Melissa Masoni, de 39, do Projeto Pérolas — uma organização não governamental (ONG) que oferece apoio emocional e empoderamento para mulheres diagnosticadas com câncer.

Nesta segunda-feira, Cláudia saiu do estúdo com algo que vai muito além de uma marca em seu corpo. Ela não tinha palavras para agradecer Daniel por seu trabalho.

— Foi um sonho realizado. Vocês não fazem ideia da minha felicidade. Não tenho como agradecer, que Deus possa abençoá-lo, que ele tenha muito mais sucesso. Esse trabalho é muito importante. O Daniel não sabe o bem que está fazendo a mulheres como nós. E ele tem muito talento — afirmou, com um sorriso no rosto a todo momento.

Para o tatuador, seu trabalho em casos assim contribui para manter a autoestima das mulheres elevada após fases tão difíceis, como a remoção da mama e a quimioterapia.

— Acredito que essa parceria vai acabar incentivando outras mulheres que não têm esse conhecimento sobre o que pode ser feito (no seio) a também quererem uma tatuagem. Não é algo só pela estética. Estamos dizendo para elas o que pode ser feito, como foi feito e mostrando que funciona. Elas podem vir. A casa está aberta — disse o tatuador.

Segundo ele, já há sete vencedoras do câncer de mama na lista de espera. As tatuagens são gratuitas para as mulheres de baixa renda que se inscreverem na organização, o que pode ser feito a partir do site Projeto Pérolas ou das redes sociais.

A ideia de uma parceria com o tatuador partiu da idealizadora do Projeto Pérolas, que contou ter ficado encantada com o trabalho do Daniel enquanto buscava profissionais na internet.

— É uma parceria linda que eu já sabia que teria esse efeito nas mulheres. Foi muita emoção — resumiu Melissa.

O tatuador contou que pretende fazer com que o trabalho não seja só para os mamilos, mas também para cobrir a cicatriz que costuma ficar no peito.

— Podemos fazer uns florais com raminhos, por exemplo, para contribuir na autoestima da mulher e ajudar a fazer com que ela se sinta mais bonita, de todas as maneiras — explicou.

A parceria foi firmada há três meses, mas somente agora eles tiveram a liberação médica para colocarem em prática a primeira ação que, por coincidência, ocorreu em outubro, o mês da conscientização do câncer de mama.

Cláudia Araújo, ao lado do tatuador Daniel Tucci, ficou emocionada por participar da parceria entre o estúdio dele e o Projeto Pérolas
 Foto: Arquivo pessoal

— Quando as mulheres fazem a reconstrução mamária, o bico do peito não é colocado na mesma cirugia. É preciso esperar um tempo para fazer uma cirurgia ainda mais agressiva, porque tira os lábios da vagina para serem implantados no seio. Então, imagina passar por tudo isso, depois do câncer. Muitas ficam com medo, não querem fazer. Elas ficam com o peito, mas sem o bico. Então pesquisei na internet os trabalhos — salientou a produtora cultural.

Melissa frisou que, apesar do cuidado com a estética, o lado emocional não pode ser deixado de lado:

— A gente acredita que essas mulheres não são apenas um corpo. A gente é muito mais complexo do que isso. Essa parte emocional da mulher fica perdida no meio daquela agressividade (o tratamento e a cirurgia) toda. E o projeto ajuda essas mulheres, dá esse chão para elas, com grupos de terapia, psicólogos, fisioterapia (porque elas sentem muitas dores), assessoria jurídica e coach profissional, para ajudá-las a voltar ao mercado de trabalho.

Além desses serviços, o Projeto Pérolas também trabalha a autoestima com opções de megahair e pigmentação de sobrancelhas.

AÇÃO SOCIAL

Durante o Outubro Rosa, o projeto realizará uma ação social, com apoio da Prefeitura do Rio, sobre a importância dos cuidados da saúde para mulheres diagnosticadas com câncer, no sábado, 14 de outubro, no Parque Madureira, das 8h30 às 17h. A expectativa é atender três mil pessoas — número inédito, segundo Melissa. "Se você conhece uma mulher em tratamento, avise a ela!", convida o perfil do Projeto Pérola nas redes sociais.

Entre as diversas atividades propostas, está uma tenda do estúdio King Seven Tattoo, onde profissionais atenderão mulheres diagnosticadas com câncer e seus familiares, realizando pequenas tatuagens com os símbolos que representam a luta contra a doença, como o laço rosa ou palavras positivas.

O Projeto Pérolas atende a 80 mulheres no Rio. A organização já começou a desenvolver atividades, também, em São Paulo e em Minas Gerais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

ORTHO100

ORTHO100
.