RADIO WEB JUAZEIRO : EXTINGUIR A GLOBO? COMO ASSIM, PRODUÇÃO?

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

EXTINGUIR A GLOBO? COMO ASSIM, PRODUÇÃO?

Dilma diz que a Globo precisa ser extinta: “A concentração de poder é gravíssima”

João Almeida
Plantão da Globo – Abertura do impeachment contra Dilma Rousseff (02/12/15)

A ex-presidente do Brasil, Dilma Rousseff, reafirmou, mais uma vez, o seu sentimento pela emissora de TV mais rica, famosa e poderosa do país.

Ela, que sofreu impeachment no ano passado, concedeu entrevista à ‘TV 247’, de um site famoso por apoiar o seu partido. Ela foi polêmica e disse até que a Globo precisa acabar.

Assim como Lula já fez, ela deixou bem claro que não gosta do canal da família Marinho, e, em rede social, replicou alguns comentários sobre o canal carioca.

“O mundo sem Globo é possível? – pergunta o repórter”. “O mundo sem Globo não só é possível, como é necessário – eu respondo”, disse a ex-presidente.

E prosseguiu: “Não podemos continuar com uma mídia controlada por 4 ou 5 famílias. No caso da informação, a concentração de poder é gravíssima”. Vale dizer que a família Marinho, além da Globo, é dona de rádios, jornais, e vários canais da TV paga.

LULA x GLOBO:

Irritado com o noticiário da Globo, por conta das denúncias da Operação Lava Jato que envolvem seu nome, o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva mandou recado para William Bonner, apresentador do “Jornal Nacional”.

Durante a abertura do 6º Congresso Nacional do PT, intitulado de “Marisa Letícia Lula da Silva” (esposa de Lula que faleceu em fevereiro), o ex-presidente disse que um dia o âncora do “Jornal Nacional” vai pedir desculpas a ele. “Vai chegar um dia em que o Willian Bonner me peça desculpa”, comentou Lula enquanto discursava.

Em abril, Lula falou sobre voltar como candidato à presidência em 2018 e declarou guerra contra a Globo. “Eles vão ter que entender que estarão lidando com um cidadão diferente. Se não sabem lidar com as mentiras que eles inventarem, eu não posso fazer nada”, disse o ex-presidente.

Na ocasião, Lula reclamou da cobertura do “JN”. “Eu não sou de reclamar, mas ninguém aguenta. São quase 18 horas de ‘Jornal Nacional’ tentando massacrar esse pobre coitadinho que veio de Garanhuns”, disse.

Em outra ocasião, Lula disparou: “Eu não quero morrer enquanto a Globo não me pedir desculpas”, disparou Lula em entrevista a rádio Arapuan, da Paraíba, nesta quarta-feira (05). Em seguida, ele detonou o “Jornal Nacional”: “É uma alegria poder falar com as rádios pelo interior do país. Ao invés de ficar esperando o ‘JN’ falar o que eles querem de mim”.

Mais tarde, por meio de seu perfil nas redes sociais, Lula fez acusações contra a emissora carioca. “Vejo muita gente entusiasmada que o Temer não dura uma semana. Ninguém quer mais a saída dele do que nós, mas não pelos motivos da Globo. Nós queremos diretas. A Globo não quer tirar o Temer por causa disso”, disse.

O ex-presidente ainda ironizou: “Daqui a pouco vão colocar o Luciano Huck e o Faustão nas pesquisas pra disputar a eleição com a gente”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

ORTHO100

ORTHO100
.