RADIO WEB JUAZEIRO : SERÁ QUE TODOS ESTÃO ERRADOS E SÓ A PREFEITURA DE JUAZEIRO ESTÁ CERTA?

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

SERÁ QUE TODOS ESTÃO ERRADOS E SÓ A PREFEITURA DE JUAZEIRO ESTÁ CERTA?

PRF confirma que semáforo em Juazeiro causa engarrafamentos na Ponte: 
'engenharia é muito ruim'

Nossa Voz


Os semáforos implantados nas Avenidas Santos Dumont e Raul Alves, no Centro de Juazeiro, têm causados diversos congestionamentos, chegando até mesmo à Petrolina. As filas de veículos tiveram um aumento significativo nos últimos meses e têm causado diversos transtornos para os motoristas. As maiores ocorrências são nas mediações da Ponte Presidente Dutra, que dá acesso à cidade baiana.




Nilo Ferreira Lima, que é motorista, mora em Petrolina, mas precisa transitar diariamente entre as duas cidades. Ele afirma que os constantes engarrafamentos têm prejudicado o trabalho. “O problema é muito grave. O trânsito está caótico. Eu trabalho com saúde e a gente transita com pacientes, medicação. Depois que colocaram aquele semáforo, a situação - que já não era boa -, só piorou”, criticou.


De acordo com o inspetor-chefe da Polícia Rodoviária Federal em Petrolina, Paulo Lima, é preciso medidas eficazes para a desobstrução do trânsito entre as duas cidades, destacando que a única ligação que tem entre Petrolina e Juazeiro é a Ponte Presidente Dutra. “Há muito tempo necessitamos de uma outra ponte para fazer essa ligação. É necessário que seja construído o mais rápido possível. As medidas que estão sendo tomadas, são medidas paliativas”, disse.


Nesta localidade, existe a atuação de órgãos do município e governos do estado e federal. A instalação dos semáforos em Juazeiro foi uma ação do poder executivo da cidade, através da Companhia de Segurança, Trânsito e Transporte (CSST) e, segundo Paulo Lima, a estrutura é prejudicial para o fluxo de veículos. “Eu vou tentar conversar novamente com a CSTT porque aquele semáforo tem prejudicado. A ponte já tem uma estrutura totalmente prejudicial porque tem duas vias que dão acesso à cidade e apenas uma para escoar. Aquele semáforo tem causado um grande engarrafamento e um prejuízo enorme, inclusive acidentes. A estrutura de engenharia é muito ruim, Juazeiro é estremamento complexa porque não foi concluída toda Ponte Presidente Dutra, ocasionando prejuízos para toda a região”, destacou.

De acordo com o diretor-presidente da Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA), Geraldo Miranda, com a implantação do semáforo, criou-se uma barreira, desacelerando o trânsito em ambas as cidades. “Você cria fila e as retenções porque não tem fluidez. Você cria uma barreira. Tudo que tiver no caminho do veículo cria uma retenção e o semáforo de Juazeiro está causando essa retenção. Faz-se a fila porque não tem por onde fugir”, explicou.

Um outro problema, de acordo com Geraldo Miranda, é o afunilamento do trajeto que dá acesso a Juazeiro, já que, em Petrolina, os veículos transitam em três vias até chegar à cidade baiana, com uma única pista, que leva a Salvador-BA. “Isso aí [engarrafamentos] é uma decorrência disso. A solução é a ampliação da ponte”, destacou. Entretanto, ele ressalta que cabe aos órgãos competentes do município vizinho a aplicação de soluções. Em Petrolina, explica o diretor-presidente, estão sendo tomadas algumas medidas, como a duplicação de pistas e a extinção da pista de rolamento exclusiva para ônibus, localizada na Avenida Guararapes. “A gente vai ver o que dá para fazer por aqui, mas a gente só tem uma ponte para fluir”, constatou.


Gabriela Canário

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

ORTHO100

ORTHO100
.