RADIO WEB JUAZEIRO : JUAZEIRENSE CONTINUA FORTALECENDO O ELENCO PARA A PRÓXIMA TEMPORADA

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

JUAZEIRENSE CONTINUA FORTALECENDO O ELENCO PARA A PRÓXIMA TEMPORADA

De volta à Juazeirense, atacante Sassá faz planos de títulos em 2018


Sassá retorna a Juazeirense (Foto: Agência CH)

Em junho de 2017, após três anos defendendo as cores da Juazeirense, onde tinha status de ídolo, o atacante Sassá surpreendeu a todos ao anunciar sua transferência para o futebol coreano. Seis meses depois, Sassá surpreende novamente ao retornar sem alarde ao clube que o consagrou nacionalmente.

Nesse intervalo, embora em tempos de internet, as notícias raras se restringiam apenas ao círculo familiar, passando ao largo da mídia esportiva da Bahia e do Brasil, ávida por saber mais do jogador.

Na conversa que manteve na tarde desta segunda-feira durante o treino da Juazeirense no Adauto Moraes, o sempre sorridente Sassá contou um pouco de suas aventuras pelo futebol asiático nesses últimos seis meses. Sem entrar em detalhes, nesse período disputou a Liga Coreana de Futebol da Quarta Divisão, defendendo o Radam FC, clube da região da capital Seul, quando, segundo ele, foi procurado pelo presidente Roberto Carlos.

– Sou grato ao povo sul-coreano que me recebeu muito bem, mas estava na hora de voltar. Logo aceitei o convite e hoje estou aqui para retomar minha carreira na Juazeirense – afirmou o atacante.

Otimista, o jogador revelou seus planos para 2018 – “Ser campeão baiano e subir para a Série D. Acho que a hora da Juazeirense é agora”.


Sassá faz primeiro treino após retorno a Juazeirense (Foto: Agência CH)

Confira os principais trechos da entrevista.

Agência CH – No seu retorno, quais são os planos ao vestir novamente a camisa da Juazeirense?

Sassá – Primeiro quero falar da minha alegria em estar de volta ao clube e a cidade que me acolheu tão bem. Depois, quero conquistar títulos com a camisa da Juazeirense. Quero contribuir para que o time finalmente conquiste o campeonato baiano e o acesso à Série B. Acho que a hora da Juazeirense é agora.

Agência CH – Fale um pouco de sua experiência no futebol coreano.

Sassá – Nesse tempo eu joguei pelo Radam FC, um clube da quarta divisão da Coréia, da região de Seul, mas com estrutura muito boa. Como é uma região de conflito, a comunicação é muito restrita e rigorosa. Mas, acho que me dei bem, e sou grato aos coreanos pela oportunidade que me deram.

Agência CH – Desde sua chegada em 2015, você fez história na Juazeirense e chegou a criar laços de idolatria entre os torcedores. Está pronto para o desafio?

Sassá – Com certeza. Desde 2015 participei de muitas conquistas com a camisa da Juazeirense fazendo gols nos estaduais, Copa do Nordeste e Copa do Brasil. Sou o vice-artilheiro da história do clube, atrás apenas de Clodoaldo, e espero que possa dar sequência nas próximas temporadas.

Quem é Sassá

Jiliardo Alves dos Santos, nome de batismo de Sassá, é baiano de Campo Formoso, onde nasceu em 18 de dezembro de 1988. Em 2009 foi revelado pelo Ipitanga-BA, onde deixou sua marca de matador e o fez cobiçado por outros clubes. Em 2010 foi artilheiro do campeonato baiano e teve uma breve experiência no Vila Nova-GO, retornando ao seu time de origem em 2011, onde se tornou mais uma vez artilheiro do estadual. Nesse mesmo ano mudou-se para Portugal e foi repatriado pelo Feirense-BA em 2013. Disputou também o campeonato cearense pelo Guarany de Sobral, o paulista pelo Juventus e o baiano pelo Atlético de Alagoinhas em 2014. Em 2015 foi contratado pela Juazeirense com o status de ídolo e nos três anos que defendeu as cores do Cancão se transformou no xodó da torcida. Sua última participação aconteceu na partida contra o Central-PE, quando marcou o gol de empate.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

ORTHO100

ORTHO100
.