RADIO WEB JUAZEIRO : ROBERTO CARLOS É O REI DOS DOMINGOS NAS RÁDIOS DO BRASIL

domingo, 24 de dezembro de 2017

ROBERTO CARLOS É O REI DOS DOMINGOS NAS RÁDIOS DO BRASIL

Rádios registram picos de audiência para Roberto Carlos aos domingos

Adriana Spaca/Brazil Photo Press/Folhapress 

O cantor e compositor Roberto Carlos durante show "Só para Mulheres", em São Paulo


AMANDA NOGUEIRA


"Tudo é bonito/ Hoje é domingo/ Vale a pena esperar uma semana/ Por um dia assim tão lindo", canta Roberto Carlos em "Hoje é Domingo".

Como na canção, na qual o personagem conta os dias para rever a amada, uma legião de fãs tem encontro marcado com o "rei" aos domingos.

Nestes dias, canções do cantor têm picos de audiência em rádios de todo o país, segundo a Playax. Segundo a startup, que monitora e analisa dados de consumo de música, o padrão se repete há ao menos dois anos, não importa o mês nem se houve feriado.

O levantamento registrou execuções em 4.920 rádios brasileiras e mostrou que a maioria delas ocorre na faixa matinal, entre 6h e 12h.

A rádio Liberal, do Pará, tem um programa chamado "Roberto Carlos em Detalhes"; a rádio Gazeta, de Maceió, promove o "Como é Grande o Meu Amor por Você". Alguns repetem as atrações durante a semana.

"Aqui no Ceará já é tradição, temos uma concorrência muito grande", diz Márcia Santos, locutora de "O Som do Rei", programa dominical da 93FM, de Fortaleza.

Ela conta que seu público costuma ser maior entre a faixa acima dos 30 anos, mas que recebe mensagens até de crianças. "É impressionante: elas criam o hábito e acordam cedo pois os pais escutam."

PAIZÃO

Segundo o Ecad, o cantor é o sétimo autor com maior rendimento de execuções em rádios e o primeiro na região Nordeste, considerando o período de janeiro a junho de 2017. Ele está no top 10 de autores mais executados em todas as regiões, exceto na Sul.

O próprio filho do cantor, o radialista e baterista Dudu Braga, é responsável por uma fração dos picos de audiência.

Há 18 anos ele comanda "As Canções que Você Fez para Mim", da Nativa FM, reproduzido em 40 rádios ao redor do país e em duas em Portugal.

"Já virou tradição mesmo, domingão de manhã é RC na veia", diz, usando a expressão que nomeia sua banda em tributo ao "paizão", como costuma chamar o astro.

Braga desconhece a origem dos dominicais, mas cita "Clube do Rei", que Lilian Loy comandou por mais de três décadas desde os anos 1980, como referência remota.

Ele atribui seu sucesso às curiosidades que conta sobre o pai, avesso à imprensa.

"Quando comecei, ele disse: 'meu filho, cuidado com o que você vai falar'", diz. "A pergunta básica é se ele está namorando ou não; eu me sinto o próprio Nelson Rubens [jornalista notório por revelar fofocas de celebridades]."

"Perguntam se podem ser minha madrasta, e eu respondo que 'não tem problema nenhum, desde que você aumente minha mesada'."

Segundo Braga, seu público é 48% masculino e 52% feminino e, apesar de a maioria ter mais de 35 anos, hits como "Esse Cara Sou Eu", lançado em 2012, e "Llegaste", dueto com Jennifer Lopez de 2016, renovaram os fãs.

A rádio sempre foi importante para a receita de Roberto Carlos, conta Braga. "Quando ele lançou 'Caminhoneiro' [em 1984], chegou a tocar 3.200 vezes nas rádios em um único dia", lembra.

Editoria de Arte/Folhapress 


NOVO ÁLBUM

Há mais de dez anos sem lançamentos, Roberto, 76, prepara um disco com músicas em espanhol. Ainda sem título, deve ser lançado em 2018.

Serão dez faixas e, entre as novidades, está "Que Yo te Vea", que integra a trilha sonora da novela global "O Outro Lado do Paraíso".

O single, que chegou aos streamings na sexta (15), foi apresentado no tradicional especial de fim de ano. Sob o título "Esse Cara", o programa foi ao ar em 23 de dezembro, na Globo, e teve participação de artistas como Simone e Simaria, Tiago Iorc e Djavan.

Antes, neste domingo (17), ele faz show extra do projeto "Só Para Mulheres", dedicado ao público feminino, no Espaço das Américas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.