RADIO WEB JUAZEIRO : A OPINIÃO DO PROFESSOR OTONIEL GONDIM

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

A OPINIÃO DO PROFESSOR OTONIEL GONDIM

QUE TIRO FOI ESSE ??? 


Caríssimo Leitor, juro de pés juntos que bem melhor seria caso não houvesse motivos justos e inexoráveis para execrar, esmiuçar, defenestrar, admoestar e outros horripilantes perversos ‘ar’, todo esse tacanho golpismo-político-judiciário que, sem um tico de ética, moral e civismo, fez de Lula um condenado sem provas, sem argumentos plausíveis, passando por cima da democracia e dos sagrados direitos humanos. Ademais, dando um sacana chega pra lá no pudor. Ademais, envergonhando em demasia a Nação perante os olhos e ouvidos mundiais e enraivando os nossos simplórios e glórios cidadãos honestos e trabalhadores. 

Longe do auto orgulho e do afoitamento em querer o leitor de comum acordo por indução dos humildes escritos nesse texto, desejo-o livre para interpretações, discernimentos, críticas e avaliações. Mas, ousado que só Euzinho Gondim. me incumbi, deliberado e democrático, de escrever o que realmente considero significar a medonha sigla TRF-4. O faço ‘tranquilis e calmis’ dô-la a quem doê-la. Belê?. 

Dicionário do povo: T de trio, R de reacionário e F de fuleragem. Assinzinho... TRIO REACIONÁRIO DA FULERAGEM!! Quanto ao numeral 4, não escapa a qualquer bom entendedor dessa forma : Um refere-se ao dono do circo: Sérgio Moro. Os outros são os três palhaços amestrados pelo donão tucano do circo.: Gebran, Pausen e Laus. Justamente!, como repetia sempre uma ex-minha ao arvorar certezas... Desembargadores que desembarcaram a mentira, a farsa e o ódio no julgamento em segunda instância do nosso eterno presidente. E a culatra recebeu o tiro... 

*** QUE TIRO FOI ESSE ??? 

Via Lulinha Paz e Amor Povo Povão, consciente Leitor, a pesquisa recente do Datafolha à Presidência da República deu de bandeja um presente de grego-brasileiro: Um UFC tapão daqueles “naquelezinhos” que perjuram, perseguem, caluniam, criando ilógicas convicções para condenarem o maior brasileiro vivo de todos os tempos. A pesquisa, simplesmente, sorriu da turma peçonhenta e gargalhou na cara de Sérgio Moro, Procuradores da Lava-jato, TRF-4, STJ, PGR, STE, STF, Globo, os Sílvios, Ratinhos, Faustões. e todo o aporcalhamento conservador-fascista do golpe. Espia só o estridente sorriso largo de 62% dos votos válidos: Quíquíquíkkk... kkkQuíquíquí... QuíquíquíKKK! 

Escutou, brother de primeira? Belo som... Parece música de Geraldo Azevedo, Cae ou Chico. Dorei. 

Corajoso companheiro das letras, tenho me visto, espero vosmecê também nessa, rebuscando a consciência, resmungando pensamentos, “puxando os cabelos querendo ouvir Celi Campelo pra não cair” à la Gil, sobre o Brasil. Sobre os políticos terráqueos contemporâneos nacionais, principalmente. 

Posso confidenciar e confabular com vosmecê uma coisa... O ser humano traz em seu bojo sempre, a cada dia, a sensação de dor e de perda, de alegria e ganho. Por ter, como nenhum outro ser ou matéria, o privilegiado dom do pensar/raciocinar/discernir/criar, carrega em seus ombros a enorme responsabilidade e obrigação de vencer, vencer e vencer. E de amar uns aos outros racionalmente. O que leva a sermos humanos ou desumanos animais políticos... 

Nesse país, quiçá em Juazeiro, a política é, seja a gosto ou contragosto, inerente a todos. Embora tenha-se apresentado em prática, nesses tormentosos tempos sombrios, o avesso do avesso do avesso do avesso (Êpa, papai, alguém disse isso...). O que nos impôe ao dever homérico de fazer o “revertério”. O que nos faz ter de catar nos lamentos, nos padecimentos, nos tormentos, nos sofrimentos, na filosofia de vida, uma saída digna e justa. Isso pode até dar a impressão de pouco possível. Todavia, entretanto, no entanto, não o é. Como uma moeda, temos no mundo político dois lados. E lados fáceis de distinguir se espiarmos sem soberba parcial as atitudes, as razões, as práticas, o histórico dos que compõem os times de cada lado. Aí, pimba! Tomamos posição. Concorda, filósofo Leitor? 

Nem me afoito a indagar se iria querer... Mas, obrigo-me a dicionarizar o que significa a cara e a coroa da nossa moeda política. Otonce, tome o seu comprimido, segure a sua pipoca, o seu espetinho, a sua cerva gelada ou guaraná, e acumule concentração. Prometa, viu... não me xingar. Nem a minha santa mãe. 

· DIREITA --- Tem como fundamento-mor a postura político–ideológica baseada no Conservadorismo e no Reacionarismo. Defende amplamente os direitos individuais e os poderes sociais com tendências totalitárias. 

Aceita a presença do grande capital e acha inevitável, normal, natural a desigualdade social. 

Reage, despudoradamente, contra os movimentos democráticos e faz furiosa oposição às concepções liberais e socialistas. 

È benevolente e encoraja, entre mimos e conchavos, a burguesia e o elitismo. 

Tem grande popularidade nas camadas sociais abastadas, nos grandes industriais, patrões, latifundiários e nas correntes religiosas e militares conservadoras. 

Adora que adora o golpismo. Coopta usando favores inescrupulosos e ameaças práticas a parlamentares e judiciários espúrios. 



· ESQUERDA --- Tem como fundamento-mor a postura político-ideológica baseada no liberalismo responsável e na democracia popular. 

Defende amplamente o interesse de grupos sociais, disseminando o igualitarismo e os ideais progressistas. 

Ferrenha defensora da igualdade social, acha as desigualdades injustificadas, lutando pela sua redução, expurgamento ou abolição. 

Impulsiona os movimentos pelos direitos civis, trabalhistas, antiguerra e ambientalistas. 

É guerreira e encoraja a implantação de políticas públicas e a luta pelos movimentos populares socialistas e de minorias. 

Tem grande popularidade nas camadas menos abastadas, excluídas socialmente, intelectuais, estudantes e nas correntes religiosas e militares progressistas. 

Odeia que odeia o golpismo. Contra o uso cooptativo de favores inescrupulosos e ameaças práticas, sob qualquer pretexto, a parlamentares e judiciários para práticas espúrias. 

Bombombom. Feitas as devidas especulações averiguativas ou as averiguações especulativas devidas (Oxênte, my friend, Cuma é mais beautiful?), basta analisar quem é quem e quem está com quem. 

Voltemos aos preditos sobre Lula e o xiitismo anti-Lula. Acontece que a orquestração da Lava-Jato teve efeitos colaterais jamais imagináveis pelos seus precursores/criadores. Agora, os “Eleszão” estão acuados em seus próprios canis e sacudindo em banda de lata as suas fartas merdas no ventilador. Fedeu geral. O povo, enganando-se em boa parte de início, percebe, hoje, a mutreta política e judiciária armada para impedir a candidatura Lula, depois prendê-lo e, concomitantemente, defuntar o Partido dos Trabalhadores. 

** Um rapidinho adendo: Com sobras de orgulho, permita-me amigo confidenciar, acabei de assinar a minha ficha de filiação ao partido fundado por Luiz Inácio Lula da Silva. 

Ululóvio e obviante. Tendeu, Leitor amor é mio? 

Perguntinhas danadas teimando em não calar-me: 

Por que não tem tucano, gentalha do PSDB, preso ou indiciado? Por que logo após a condenação nefasta de Lula, os processos dos ‘malas’ Serra, Alckmin e Aecinho amiguinho de Moro foram arquivados? Por que o STF é tão apequenado e acovardado tal qual o Congresso Nacional? E as malas de dinheiro, as safadezas dos contratos dos portos de Temer, não serviram para p... nenhuma? E a delação de Tacla Duran acusando e provando depósitos de bufunfa na conta da mulher de Moro? E os arroubos escandalosos de apadrinhamento de Gilmar Mendes? E o auxílo-moradia recebidos, descaradamente, por juízes que possuem imóvel próprio e são contrários a Minha Casa Minha Vida e o Bolsa Família? E por aí lá vai casca de ferida e carne assada... 

Exposto o acima, apenas reitero a confiança na vontade popular de ir a casa do vizinho, do primo do vizinho e às ruas bradar por justiça a quem foi o mais justo líder desse país agora assolado por mandantes ordinários, salafrários, larápios, pestes da febre bubônica, que tentam roubar as ideias, a esperança, o coração, a fé, a sagrada autoestima, de cada um de nós. Logo de ”Nószinhos”, formadores do verdadeiro Brasil. È ruim... cambada ruim! 

Escrevo estas linhas há poucas horas de adentrar na sala de cirurgia. Aproveito o espaço grandioso do BLOG RADIO WEB JUAZEIRO, dileto parceiro-amigo ADALBERTO MARIANO, e a boa vontade do meu querido Leitor, para agradecer ao SUS e ao seu criador Lulinha Paz e Amor por proporcionar-me tudo gratuitamente. Como também, sem paparicações além da pura verdade, ao governo Paulo Bomfim, à Secretária de Saúde Fabíola Ribeiro e funcionários e à equipe médica e demais envolvidos do Hospital Regional de Juazeiro pelo exemplar e humano pronto atendimento e acolhimento. Sinceros muitos obrigados. 

P.S. : No parágrafo das perguntas danadas, esqueci d’uma. Como o tenho como Leitor fidedigno aos seus princípios, gostaria que respondesse na bucha com um solene vozeirão loguinho pós-leitura. Ei-la: 

O QUE É MAIS CHATO E MENTIROSO: ASSISTIR A PREVISÃO DO TEMPO DA TV GLOBOSTA OU O DISCURSO CASCATA DE JAIR BOLSONARO??? 

“ Ai, ai, ai, ai, Helena 

Eu vou, mas tenho pena 

Pra te levar tenho medo, Helena 

Pra te deixar tenho pena...” 

Fui. 


Otoniel Gondim --- Professor, Escritor e Compositor. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

ORTHO100

ORTHO100
.