RADIO WEB JUAZEIRO : CURIOSIDADE
segunda-feira, 16 de abril de 2018

CURIOSIDADE

Cidade abriga quase todos os moradores e serviços no mesmo prédio


Em várias partes do Brasil é comum ouvir gente reclamando que as cidades onde vivem “são um ovo”, pelo fato de serem pequenas ou de todo mundo se conhecer. Caso essas pessoas conhecessem a cidade de Whittier, provavelmente mudariam seus conceitos e “criticariam” menos os locais em que moram. Localizado no Alasca, o município conta com apenas 218 moradores e a grande maioria deles vive sob o mesmo teto.

Foto: Wikimedia Commons

O PRÉDIO GERAL

Begich Towers foi inaugurado em 1957, pelo exército norte-americano. Apenas alguns anos depois, quando as tropas deixaram a cidade, foi transferido para o uso dos civis. O edifício tem 14 andares e é dividido em três blocos. Além dos apartamentos residenciais, lá estão alocados também o departamento da polícia local, o gabinete do prefeito, uma escola, uma clínica, uma pousada, uma lavanderia e os correios. A igreja da cidade também se aproveita das instalações do prédio, e utiliza sua piscina para realizar batismos.

ONDE FICA A CIDADE

Witthier fica em uma região isolada, cercada por montanhas e pelo mar, muito afastada de outras cidades. O acesso ao local só é possível através de um túnel – o maior de apenas uma mão da América do Norte – com 4km de extensão. A passagem alterna as direções a cada meia hora, e funciona entre as 5h30 e 23h. Segundo o DailyMail, os residentes da comunidade atuam no porto, como mecânico de barcos, ou se deslocam até cidades vizinhas para trabalhar.

No inverno, as temperaturas negativas são rigorosas na região, e o frio castiga os moradores durante meses. No verão, no entanto, a cidade ganha vida com a chegada do calor, e é estimado que cerca de 900 mil turistas passem por lá com cruzeiros durante o período mais quente. Nessa época do ano, Whittier chega a desfrutar de até 22 horas de luz solar.

*Com informações do Daily Mail

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.