RADIO WEB JUAZEIRO : BOLETI DO DEPUTADO JOSÉ CARLOS ALELUIA
terça-feira, 19 de junho de 2018

BOLETI DO DEPUTADO JOSÉ CARLOS ALELUIA

Juazeiro não pode continuar sem oposição a essa ‘dinastia’ do PCdoB na cidade

"Eu nunca vi em cidade alguma uma Câmara de 21 vereadores e nenhum se dispor a fazer oposição a um prefeito do PCdoB. Inclusive com pessoas competentes que eu conheço. Quero clamar a juventude e os políticos de mandato de Juazeiro para que acordem: essa dinastia de 11 anos do Partido Comunista precisa acabar.”

Assim o deputado federal José Carlos Aleluia (Democratas-BA) definiu o atual cenário político de Juazeiro em entrevista na tarde desta segunda-feira (18). Aleluia denunciou que Juazeiro tem 800 cargos de confiança, número igual ao de Salvador, que tem cerca de 3 milhões de habitantes. 

"Os políticos de Juazeiro têm que acordar e acabar com essa dinastia que se implantou na cidade nos últimos onze anos. O prefeito [Paulo Bonfim] tem que parar de só ficar gritando 'Fora, Temer' e procurar administrar a sua cidade. Tem que parar de deixar a cidade ser explorada para eleger o seu chefe [Isaac Carvalho] que quer ser deputado federal", criticou.

Durante a entrevista Aleluia também anunciou que a Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba) vai lançar em breve a licitação para contratar o projeto básico do Canal do Sertão Baiano após ele assegurar R$ 45 milhões para o início do projeto. Como principal articulador da retomada do Canal junto ao Ministério da Integração Nacional, Aleluia informou que foram assegurados R$ 15 milhões no Orçamento de 2017 e mais R$ 30 milhões no de 2018 para tirar o projeto do papel junto ao edital de licenciamento ambiental.

“O Canal do Sertão Baiano será responsável por concluir o Projeto Salitre em Juazeiro, irrigando 32 mil hectares no município e resolvendo o problema de décadas que aflige mais de 600 produtores às margens da parte baixa do Rio Salitre. A obra também vai solucionar o problema da falta de água nos distritos de Juremal, Massaroca e Carnaíba do Sertão no município. Foram dois anos de trabalho para retomar o Canal do Sertão Baiano que estava abandonado e sem dotação de recursos. Vamos garantir segurança hídrica para uma região de 1,5 milhão de baianos e 44 municípios. E o ponto de partida de tudo isso será Juazeiro e o Projeto Salitre”, explicou Aleluia.


ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.