RADIO WEB JUAZEIRO : O CHEIRO DA MORTE
sexta-feira, 1 de junho de 2018

O CHEIRO DA MORTE

Jovem afirma ter habilidade de sentir o “cheiro da morte”


Para a maioria das pessoas falar sobre a morte ainda é uma questão complicada. A completa incerteza de reflexões sobre o que seremos e para onde iremos após a experiência em vida normalmente provoca medo e ainda gera um grande tabu nas sociedades. Agora imagine falarmos sobre o “cheiro” da morte. Pois é, uma jovem australiana de 24 anos tem chamado atenção por afirmar que possui esse poder olfativo!

Ari Kala (pseudônimo de Rachel Murray), moradora de Hunter Valley (Nova Gales do Sul, Austrália), conta que tudo começou quando ela tinha apenas 12 anos. Na época, fazendo companhia ao seu tio que sofria de uma doença terminal, ela descreveu que sentiu um “odor adocicado” exalado do corpo dele. “No dia anterior da morte eu senti esse odor adocicado na casa. Nunca tinha sentido aquele cheiro. Ninguém além de mim o sentia.”, relatou em entrevista ao “Metro“.


“Nunca tinha sentido aquele cheiro.” Imagem: Reprodução/Facebook (Ari Kala)

Habilidade

Após a vivência particular, ela conta que a sensação vem se repetindo. “Desde então tenho passado pela mesma experiência com pessoas com doenças terminais ou com pessoas com idade avançada incontáveis vezes”, acrescentou. Hoje, depois de muito lutar com o que descreve como uma “habilidade estranha”, a jovem conta que agora decidiu torná-la pública e tentar fazer, por meio de treinamento, com que médiuns desenvolvam o mesmo poder.

*Com informações do Metro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.