RADIO WEB JUAZEIRO : UM VEREADOR DIFERENTE

.

.

quinta-feira, 30 de agosto de 2018

UM VEREADOR DIFERENTE

Vereador Allan Jones rebate Florêncio, e avisa: “em 2020 a oposição marchará unida”

Da Redação do AP

Em entrevista ao Jornal AP, o vereador Allan Jones (PTC) rebateu o vereador Florêncio Galdino (PDT) que ocupou a tribuna na sessão de ontem (27) exaltando os candidatos da terra e condenando os de fora. Ainda assim, Allan afirmou que a oposição vai sair mais forte e unida para 2020, diferente do que aconteceu nas eleições passada.

Vereador Allan Jones é o único da Casa Aprígio Duarte a não fazer parte do grupo político comandado por Isaac Carvalho. Ele afirma que em 2020 a oposição marchará unida

“Eu respeito o posicionamento do vereador Florêncio, acredito que candidatos de fora possam e devem ser votados, apostamos em Adolfo Viana que é um candidato do Vale do São Francisco e que tem um trabalho reconhecido no município de Casa Nova, do mesmo jeito que o pai dele já foi votado aqui em Juazeiro – o ex-deputado Estadual Honorato Viana. O avô prestou um relevante serviço na cidade de Juazeiro, inclusive a nossa principal avenida acabou ganhando o nome dele e resolvemos votar em Leo Prates para deputado Estadual. É um candidato que conversou com nós e falou o que é importante para o nosso projeto político, se a gente não tiver sustentação o nosso projeto acaba fragilizando. Acredito que tem espaço para todos e ficarei muito feliz se Juazeiro conseguir ocupar algumas vagas na câmara federal e assembléia”, enfatizou.

Vereador independente

Ainda assim, ele disse que continuará fazendo críticas para o crescimento da cidade. “Na verdade eu sempre disse que independente de ter me posicionado em prol de Juazeiro, estaria ao lado da ‘gestão’. O que for de bom para a minha terra serei a favor, agora o que eu achar de ruim vou criticar com a maior liberdade e tranqüilidade”.

Processo de impugnação de Isaac

Sobre o processo de impugnação da candidatura de deputado federal de Isaac Carvalho (PCdoB) para deputado federal, ele foi direto. “Eu acredito que Juazeiro tem uma vaga real na câmara de deputados, agora a lei está aí para ser cumprida. Se na realidade existiu uma condenação em 2° grau e até onde eu enxerguei existe, não tem porque pessoas na mesma situação serem tratadas diferentes. Se ele obtiver sucesso que tenha êxito nas eleições porque Juazeiro é quem ganha, agora descumprir lei nunca será o meu posicionamento”.

Recado para a situação

Por fim, ele disse que a oposição vai sair mais forte e unida para 2020 em Juazeiro, diferente do que aconteceu nas eleições passada quando Charles Leão (PPS) impossibilitou a eleição de Joseph Bandeira (SD). “Se for para a gente partilhar juntos a um projeto de oposição faremos, prevejo que em 2020 a oposição estará mais forte. Possuo adversários políticos e não pessoais, portanto, tentarei fazer a minha política pautada em realidade com boas relações e respeito, mas se essa posição se juntar e fizer trabalho com criticas constitutivas vai ganhar espaço e sair mais fortalecida em 2020”, concluiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.