RADIO WEB JUAZEIRO : VÍTIMA ESCREVE CARTA AO LADRÃO DO SEU CARRO
quarta-feira, 29 de agosto de 2018

VÍTIMA ESCREVE CARTA AO LADRÃO DO SEU CARRO

Professor de Petrolina faz carta para “ladrão” que levou seu carro

Vinicius de Santana


“Diga quanto te ofereceram e vamos negociar”

No último sábado (25), por volta das 11 horas, o carro do professor de ensino superior, André Luiz Queiroz Andrade, morador da Rua Crispim de Amorim Coelho, centro de Petrolina, foi levado por criminosos da porta de sua casa.

O Fiat Palio branco, ano 1999, duas portas, placa KIG 3147, foi herdado do pai e tinha um valor sentimental para o professor.

”O carro estava estacionado. Alguém chegou abriu forçado e levou. Eu estava cuidando dos cactos, quando minha esposa me perguntou quem estava saindo no carro. Ela foi até o portão e gritou: ‘levaram o carro, Déo!’ Corri e quase caí, pois confesso que senti o chão sumir”, contou André.

Ele prestou queixa duas vezes, através do site da Polícia Civil, e também foi até a delegacia na tentativa de reaver seu bem, mas até o momento o veículo não foi encontrado.

De forma inusitada e muito criativa, o professor redigiu uma carta para o “ladrão”, demonstrando sua indignação e falando das condições do veículo. O texto foi postado na sua página do Facebook e nós pedimos autorização para replicá-lo nesta matéria.

Na carta, o professor até faz uma proposta ao criminoso ” Diga quanto te ofereceram e vamos negociar. Espero que tu seja melhor para negociar, do que és para escolher o que furtar. Aguardo o seu contato”, avisa o professor.

Veja a surpreendente carta na íntegra: 


Caro bandido que furtou meu carro, 

De cara eu te digo que fiquei de cara com o teu furto, pois se trata de um carro velho, 1999, com quase 200 mil quilômetros rodados, que de novo, não tem nada. 

O motor está no último passe. O radiador possui três buracos vedados com massa de cuscuz. Os quatros pneus são carecas. As rodas estão empenadas. O burrim de freio traseiro está estourado. A porta do motorista está batida e sem a borracha de vedação. A porta da mala traseira está batida. O Capô está amassado. As duas lanternas traseiras estão remendadas com Durepox. 

O farol direito está com armação trincada e o esquerdo, o vidro está seguro com fita adesiva 3M. Os bicos injetores estão entupidos e falhando. A tampa do tanque não fecha. O Capô está sem trava. A caixa da bateria está aos pedaços. Os bancos estão com as armações rachadas, os estofamentos velhos e as capas desfiadas. O macaco está todo enferrujado e a chave de roda está com crostas de sal. 
Os tapetes estão rasgados. Os amortecedores não amortecem. As películas dos vidros estão ressecadas. A chave de luz dá curto circuito. O volante está despedaçando. A lataria está cheia de ferrugens. E ele só faz de 6 a 7 km com um litro de gasolina. 

Enfim, tu furtou um carro velho, que pelo jeito não serve nem pra o ferro velho. Tu não vai conseguir pegar nem R$ 1.000,00. 

Só mesmo um louco, tão cheio de sentimentos como eu, ficaria a vida toda com um carro com tantos problemas como este. E, só um outro louco sem nenhum sentimento, poderia furtá-lo. 

Para mim, este carro tem um valor, que para você ele não tem e nem nunca terá. 

Outra coisa que devo informá-lo, é que para fazer uma parada, este carro também não serve. 

Não possui 6 cilindros, nem freios ABS, nem direção hidráulica, nem 32 válvulas, nem mesmo é 2.0. 

Se tu tentar vai ver, pois ele não corre mais de 100 km por hora e vai ferver a cada 50 km rodados. Se insistir, tu vai dançar! 
Então, só sobra a venda para clonar. 

Diga quanto te ofereceram e vamos negociar. 

Espero que tu seja melhor para negociar, do que és para escolher o que furtar. 
       Aguardo o seu contato. 
Tu já sabe mesmo quem eu sou. 
       O fruto do seu furto, é um carro velho, que só tem valor para mim.


Quem tiver alguma informação sobre o veículo, favor entrar em contato: 074 98847 3422. (Preto no Branco)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.