RADIO WEB JUAZEIRO : O RETRATO DA ADMINISTRAÇÃO DE JUAZEIRO
quarta-feira, 12 de setembro de 2018

O RETRATO DA ADMINISTRAÇÃO DE JUAZEIRO

Mar de fezes em canal deixa motoristas e moradores revoltados em Juazeiro; dejetos fecais são lançados dentro do rio São Francisco


Da Redação do AP

Moradores que residem no bairro jardim Flórida e próximo ao Condomínio Jardim Vitória, e outras que freqüentam a Rede de Supermercado Assaí procuraram à Reportagem do AP para denunciar a falta de compromisso da Prefeitura Municipal de Juazeiro com relação à limpeza do Canal Riacho do Macarrão. Eles reclamaram que têm convivido com o mau cheiro do canal há meses.

Ainda assim, eles falaram que falta de limpeza do material acumulado no canal nos últimos meses e o acúmulo de lixo jogado pela população agravam o problema e trazem riscos à saúde. “Ninguém agüenta mais. Está numa situação que não dá mais. A gente queria pedir ao menos à Saúde e pelo menos um carro do fumacê para acabar com esses mosquitos”, reivindicou a moradora Lúcia Freitas.

Motoristas são obrigados à ficarem trancados dentro dos veículos para evitarem contrair doenças

Por sua vez, a moradora Cristiane Francisca disse que já entrou em contato com a Prefeitura e não obteve nenhuma resposta. “Estamos cansados de ligar para a Prefeitura para reclamar do mau cheiro deste canal. Temos que conviver com esse fedor todo o tempo. Muitas pessoas já adoeceram aqui no bairro por causa dessa sujeira neste canal”, disse.


O motorista José Raimundo Santana que trabalha trazendo mercadorias de Feira de Santana para o supermercado lamentou a situação. “A gente tem que levantar os vidros do carro e ficar trancando dentro, acaba até o apetite da gente com este mau cheiro e a quantidade de muriçocas. Isso é uma vergonha para o supermercado, a pessoa chega para fazer as suas compras e sai todo poluído. A prefeitura precisa dar uma atenção maior para estes problemas, eu ando por várias cidades e nunca vi algo assim”.

Veja a galeria de fotos:

Toda esta sujeira passa pela lagoa de estabilização que não faz o processo adequado de decantação, no entanto, este rio de fezes termina sendo lançado dentro do rio São Francisco. Os órgão ambientais tem conhecimento sobre o fato, mas fazem vistas grossas
A lamina do canal tomada por fezes exalando fedentina e produzindo muriçocas fica ao lado do Supermercado Assaí e de residências
Motoristas trancados dentro de caminhões aguardando o momento para descarregar mercadorias no supermercado. Uma verdadeira tortura

Em outras partes do mesmo canal a situação é a mesma ou pior

Com a palavra as autoridades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.