RADIO WEB JUAZEIRO : CIENTISTAS DESCOBREM A CIDADE PERDIDA
sexta-feira, 16 de novembro de 2018

CIENTISTAS DESCOBREM A CIDADE PERDIDA

Tenea: arqueólogos encontram cidade grega perdida, construída por prisioneiros da guerra de Troia

Os arqueólogos gregos descobriram muralhas do contorno de um assentamento de casas que acreditam ser de Tenea

Diz a lenda que Tenea, na Grécia antiga, foi fundada por troianos capturados pelo rei Agamenon de Micenas durante sua guerra com Troia no século 12 ou 13 a.C.

Arqueólogos tinham uma ideia aproximada de onde a cidade poderia estar localizada, na península do Peloponeso. Mas eles não tinham provas tangíveis.

Agora, acreditam ter descoberto o local.

Os cientistas gregos encontraram restos de um assentamento de casas, muralhas, bem como joias, moedas e vários túmulos que datam do século 4 a.C. até a época romana, por volta de 150 a.C..

Eles descobriram paredes cuidadosamente construídas, bem como pisos de barro, pedra e mármore. Também encontraram cerca de 200 moedas raras, entre as quais uma criada com a intenção de pagar pela “viagem” após a morte.

Além disso, sete túmulos adornados com vasos e joias foram desenterrados. Um deles continha os restos de uma mulher e uma criança.

E eles estão convencidos de que tudo isso comprova a existência de Tenea.

Também foram descobertas moedas e joias que datam entre o século 4 a.C. e 150 a.C.

O trabalho de escavação nas proximidades da atual cidade de Chiliomodi começou em 2013.

A principal arqueóloga do projeto, Elena Korka, disse que as descobertas sugerem que os cidadãos de Tenea foram “incrivelmente ricos”.

Ela acrescentou que a cidade estava localizada em uma importante rota comercial entre as cidades de Corinto e Argos, no norte do Peloponeso.

“(A cidade) Tinha figuras cerâmicas distintas com influências orientais, mantinha contatos com o Oriente e o Ocidente … e tinha uma maneira de pensar própria, que, na medida do possível, ajudava a formar sua própria cultura, suas políticas “, disse.

Acredita-se que a cidade prosperou durante a era romana, mas que pode ter sido abandonada no século 4 d.C.

Como as escavações continuarão, Korka disse que mais detalhes sobre a cidade serão conhecidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.