RADIO WEB JUAZEIRO : RECONQUISTANDO CINTURÃO
segunda-feira, 31 de dezembro de 2018

RECONQUISTANDO CINTURÃO

Jon Jones derrota Gustafsson e reconquista o cinturão dos meio-pesados do UFC


Com o resultado, Jon Jones chegou a marca de 23 vitórias


Em meio a diversas polêmicas, Jon Jones retornou ao octógono na madrugada deste sábado para domingo (no horário de Brasília) e mostrou ser um dos maiores lutadores da história do MMA. O norte-americano derrotou Alexander Gustafsson no UFC 232, realizado em Los Angeles, com um nocaute incontestável e reconquistou o cinturão dos meio-pesados.

A vitória de Jon Jones aconteceu no terceiro round da luta. Após uma disputa equilibrada entre os lutadores nos dois primeiros assaltos, o norte-americano levou a disputa para o chão e desferiu diversos socos na cabeça de Gustafsson, forçando o árbitro a interromper a disputa e decretar o nocaute.


"Alexander Gustafsson tem um alcance muito grande e conectou bons golpes no meu rosto. Ele é um cara que se recupera muito rápido. O plano era vencê-lo", afirmou Jon Jones após o combate.

Com o resultado, Jon Jones chegou a marca de 23 vitórias, uma derrota e um combate sem resultado no UFC. Agora, o astro aguarda o seu próximo confronto no UFC e já desafiou Daniel Cormier, ex-campeão da categoria meio-pesado.

"Tem um cara aí que se chama de campeão duplo. Que tipo de cara abandona seu cinturão só por que eu cheguei em casa? O papai está em casa, Cormier. Venha pegar o seu cinturão, ele está bem aqui", disse Jon Jones ainda no octógono.

Vale lembrar que o lutador apresentou resquícios do esteroide turinabol em exame antidoping realizado antes do seu duelo contra Gustafsson e foi vetado pela Comissão Atlética de Nevada de participar do evento em Nevada, o que causou a transferência do UFC 232 para Los Angeles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.