RADIO WEB JUAZEIRO : Idosos de 84 e 86 anos são encontrados em casebre com vermes, sem remédios e com poucos alimentos no MT
sexta-feira, 8 de março de 2019

Idosos de 84 e 86 anos são encontrados em casebre com vermes, sem remédios e com poucos alimentos no MT

Os irmãos André e Abílio vivem há 20 anos sozinhos
 Foto: Divulgação/TJ-MT

Extra


Dois idosos, de 84 e 86 anos, foram encontramos vivendo sozinhos, em um casebre abandonado, sem remédios e quase sem comida em um vilarejo no município de Santo Antônio de Leveger, a cerca de 35 km de Cuiabá, no Mato Grosso. Eles não tomavam banho há meses, tinham apenas arroz, feijão e açúcar para comer e havia vermes no colchão onde um deles dormia.

Os irmãos André Rodrigues da Silva e Abílio Rodrigues da Silva vivem sozinhos há 20 anos no local e os problemas de saúde dificultam a realização de atividades do dia a dia. Os dois têm catarata em estágio avançado e são hipertensos. Além disso, André possui problemas na coluna que o impedem de ficar ereto e Abílio também tem problema auditivos.

Os idosos foram encontrados após uma denúncia feita à Carla Ito, coordenadora do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) de Santo Antônio de Leveger. Carla estava trabalhando como voluntária no projeto "Ribeirinho Cidadão", idealizado pelo Tribunal de Justiça do Mato Grosso e pela Defensoria Pública do Estado. A iniciativa têm o objetivo de levar serviços essenciais para comunidades isoladas no Mato Grosso.

André e Abílio foram atendidos pela equipe médica do projeto, receberam medicamentos e também tiveram seus documentos checados. Os idosos estavam recebendo suas respectivas aposentadorias, mas o valor estava sendo sacado por outras pessoas, sem o consentimento dos dois. Uma equipe de voluntários realizou uma limpeza na casa deles, que também receberam doações de alimentos.

O caso foi encaminhado para o Ministério Público estadual que deve investigar a situação dos irmãos. O juiz José Antônio Bezerra Filho, que coordena o "Ribeirinho Cidadão", confirmou que o TJ vai continuar acompanhando os idosos, para que eles não retornem à situação de total abandono.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.