RADIO WEB JUAZEIRO : Postes são instalados no meio de uma rua na Bahia e moradores reclamam: 'Fica difícil passar'
quarta-feira, 13 de março de 2019

Postes são instalados no meio de uma rua na Bahia e moradores reclamam: 'Fica difícil passar'

Caso ocorre no distrito de Humildes, que pertence à cidade de Feira de Santana.

Por Renata Maia, TV Subaé


Postes são instalados no meio da rua no distrito de Humildes, em Feira de Santana

Jornal da Manhã

Postes são instalados no meio da rua no distrito de Humildes, em Feira de Santana


Nove postes foram instalados no meio de uma rua do distrito de Humildes, que pertence à cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. Os postes atrapalham a circulação de veículos e têm sido alvos de reclamação dos moradores.

O montador Daniel Matos, morador da região, relata que alguns motoristas já bateram nos postes e reclama do perigo para os pedestres.

"Já bateram ali, naquele poste, umas três vezes. Eu quase presenciei um acidente. Os moradores precisam ficar desviando dos postes", disse.

O motorista de caminhão Renato Marques, que também mora no local, conta que é um transtorno entrar e sair do local. "Fica muito difícil passar aqui. Até quem passa de carro pequeno aqui é difícil. Quando para um caminhão de um lado, a gente tem que passar do outro e fica complicado. As vezes eu passo por outra rua para evitar acidente", contou.

Postes são instalados no meio da rua de distrito na Bahia e moradores reclamam — Foto: Reprodução/TV Subaé

Quem não é morador, mas precisa passar pela rua de vez em quando, revela ter muito cuidado ao volante. "Esses postes atrapalham muito porque o motorista tem que ficar atento ao poste e aos pedestres. Tem que passar com muito cuidado, tem muita criança aqui", disse o conferente Gilvan Cerqueira.

A prefeitura de Feira de Santana informou que a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) prometeu retirar os postes do local, que são de responsabilidade da empresa, entretanto não há informações sobre o motivo dos equipamentos terem sido instalados no meio da rua.

A equipe de reportagem entrou em contato com a Coelba, mas, até a publicação desta reportagem, não houve resposta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.