RADIO WEB JUAZEIRO : JUAZEIRO DA BAHIA - UMA CIDADE ABANDONADA AS MURIÇOCAS E AOS CÃES
segunda-feira, 15 de abril de 2019

JUAZEIRO DA BAHIA - UMA CIDADE ABANDONADA AS MURIÇOCAS E AOS CÃES






Como cidadão Juazeirense, não posso me calar diante de tantos fatos negativos que tomam conta da cidade, não bastasse a situação de abandona por que passa a cidade por parte do poder público municipal e além das muriçocas que azucrinam a todos os cidadãos, o que se vê agora é a proliferação de cães abandonados circulando pelas ruas da cidade, muitos com serias doenças contagiosas e noviças as pessoas. 

Desde de ontem que mais de 20 cães circulam aqui pelo bairro Castelo Branco, mais especificamente na avenida das Nações (próximo ao IRPPA, Vivenda Bar) e a minha residência. Hoje, agora a pouco liguei para o número do setor de Endemias, ninguém atendia, fiz outra ligação para o setor de DST-AIDS e um funcionário me atendeu e fiz queixa de que o setor de endemias não atendia, o referido servidor me informou que o departamento estava de mudança e que estavam sem telefones e que se eu quisesse formular uma reclamação teria que ir pessoalmente ao departamento. 

Ao informar o motivo da minha reclamação, o servidor me disse que a prefeitura ainda estava consertando o veículo que recolhe os animais abandonados e enquanto isso nada poderia ser feito. Vale salientar que esse veículo já está pra ser consertado a meses, mas nunca fizeram (Grifo meu) . Me parece, mais uma vez que, a prioridade do gestor público é outra, “a politicagem” , ao invés de cuidar da cidade e dos seus cidadãos. 

Já que não tive como fazer a minha voz e meus reclames, serem ouvidos pelos órgãos responsáveis, espero que pelo menos essa minha denuncie cheguem a eles e que as devidas providencias sejam tomadas. 

Não se trata de um ato político, como costumam dizer os “defensores” do prefeito, quando se escancaram as mazelas do governo, mas sim um ato de cidadania em defesa da população. 



Taciano Gustavo Medrado Sobrinho

Professor, Bacharel em Administração, Engenheiro Agrônomo, Psicopedagogo e cidadão juazeirense “Nato”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.