RADIO WEB JUAZEIRO : O RETRATO DA ADMINISTRAÇÃO DE JUAZEIRO

ENQUETE

quarta-feira, 8 de maio de 2019

O RETRATO DA ADMINISTRAÇÃO DE JUAZEIRO

Vereador Allan Jones denúncia falta de combustível para transportar médico

Ação popular

O vereador Allan Jones (PTC) voltou mais uma vez à ocupar tribuna da casa legislativa, em Juazeiro, para informar que protocolou projeto de lei relacionado à Semana Municipal em alusão a Segurança em Saúde do Trabalhador.


“No ano de 2017, nós instituímos através de projeto de lei, a Campanha permanente de prevenção sobre os acidentes de motos, pois infelizmente o município que não gasta com prevenção acaba gastando bem mais com sequelas, e desde já, já apresento este projeto e peço o apoio aos demais pares que este projeto seja aprovado em alusão ao abril verde”, destacou.

Ele exaltou o discurso do colega Bené Marques (PSDB) por elogiar a ação de funcionários e médicos do Posto de Saúde do bairro Itaberaba por terem tomado decisão própria de atender o público em uma determinada noite. “Seria bom que o município partisse na frente executando este tipo de serviço já que o presidente Bolsonaro tem isso como proposta com atendimento multidisciplinar até as 22 horas. Por outro lado, Juazeiro perdeu a oportunidade de sair na vanguarda deste projeto, quando trabalhei no bairro Argemiro tínhamos o programa ‘Mais saúde’ onde atendíamos das 17 horas até as 22 horas, e na época do ex-prefeito Isaac Carvalho. Este projeto deveria ser estendido para o bairro Itaberaba, mas diferente do que todos nós esperávamos, este serviço terminou acabando em nosso município. Em vez de avançar neste serviço noturno, ele terminou sendo ceifado, e espero que os demais bairros sejam beneficiados com o mesmo serviço”, alfinetou.

Problemas

“O distrito de Juremal não recebeu a equipe de saúde na última sexta-feira devido a falta de combustível, pois ando meio assustado com algumas situações, sendo que há 15 dias, o mesmo médico que pertence a equipe de Juremal, precisou se deslocar para atender em Abóbora, isso porque a unidade de atendimento daquele local estava sem profissional (…) Fiz um atendimento na última sexta-feira no bairro Antonio Guilhermino onde uma grávida me relatou que estava faltando sulfato ferroso, este é o meu tipo de decepção relacionado a algumas coisas que estão acontecendo em nosso município”, lamentou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.