RADIO WEB JUAZEIRO : Por suposta infração, Bahia poderá perder pontos na Série A; entenda
quarta-feira, 24 de julho de 2019

Por suposta infração, Bahia poderá perder pontos na Série A; entenda

Tathiane Marques 
 Fornecido por Goalmedia Tecnologia e Marketing Digital Ltda.

Bahia poderá perder quatro pontos na competição, além de receber uma multa equivalente a 100 mil reais, isso caso o STJD analisar e entender que houve uma infração por parte do clube

Na pausa do Campeonato Brasileiro para a realização da Copa América em território nacional, os clubes analisaram os próprios déficit em suas equipes e foram ao mercado buscar peças na tentativa de tornar o time mais eficiente. E com o Bahia não foi diferente, a diretoria não poupou esforços e fechou contrato com seis jogadores vindos de equipes da Série A, no entanto é aí que mora o problema.

De acordo com informações divulgadas no site UOL Esporte o clube estaria infringindo o regulamento do Campeonato Brasileiro da Série A, portanto o Tricolor baiano poderá ser denunciado ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva e consequentemente vir a perder quatro pontos.

Segundo o parágrafo único do artigo 11 do regulamento da competição indica que “uma vez iniciado o Campeonato, cada clube poderá receber até 5 (cinco) atletas transferidos de outros clubes da Série A; de um mesmo clube da Série A, somente poderá receber até 3 (três) atletas”.

Os atletas contratados após o returno do Brasileirão foram: Wanderson (Athletico), Lucca (Corinthians), Ronaldo (Flamengo), Guerra (Palmeiras), Juninho (Palmeiras) e Marllon (Corinthians). Assim sendo, vale destacar que os dois primeiros atletas citados atuavam no exterior. Também é preciso dizer que antes de assinar com o Bahia, o zagueiro Wanderson reincidiu o contrato com o Athletico Paranaense.

“Eu entendo que esse clube deve ser denunciado com base no art. 214 em todos os jogos em que o último desses seis jogadores contratados esteve na súmula. Se todos pertenciam a clubes da Série A, em tese a CBF não deveria aceitar o registro. E, sem o registro, o jogador não teria condições de jogo. Se houve registro irregular e o atleta jogou, o clube pode ser denunciado com base no artigo 214 do CBJD, e a CBF, por descumprir o regulamento e registrar o atleta, pode ser denunciada com base no art. 191. Não sei quem foi que estudou isso no clube, mas certamente o expôs a um risco enorme. Se não é uma condenação certa, porque nenhuma condenação é certa, é um caso em que eu diria que a chance de condenação supera a de absolvição” – afirma Vinicius Loureiro, especialista em direito esportivo.

O Bahia se pronunciou e se diz respaldado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), negou a possibilidade de perder pontos, já que supostamente a CBF confirmou a inexistência de irregularidade na situação. Atualmente, o Esquadrão de Aço é o 11º colocado na tabela da competição com 15 pontos ganhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE