RADIO WEB JUAZEIRO : Incêndio que atingiu escola de samba em SP "destruiu todo espaço"
terça-feira, 15 de outubro de 2019

Incêndio que atingiu escola de samba em SP "destruiu todo espaço"

Independente Tricolor afirmou que as chamas arruinaram todo o local destinado às construções de suas alegorias na tarde desta segunda (14)

Plinio Aguiar, do R7

Incêndio atinge escola de samba Independente Tricolor, em São Paulo    -  Reprodução/Record TV

O incêndio que atingiu o barracão da Independente Tricolor na tarde desta segunda-feira (14), em São Paulo, destruiu todo o espaço destinado as construções de alegorias da escola de samba.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o incêndio teve início por volta das 18h. Cerca de 18 viaturas e mais de 50 homens foram encaminhados para o local da ocorrência, situado na avenida Otto Baumgart, região norte da capital paulista. Não houve vítimas.

As chamas logo se espalharam para o barracão da equipe da escola de samba Leandro de Itaquera. Ambas estão na divisão de acesso do desfile de Carnaval de São Paulo – inclusive, já tinham apresentado os respectivos enredos para a edição de 2020, que terá seu primeiro desfile em 131 dias.

Em nota, a Independente Tricolor afirmou que o “incêndio catastrófico que ganhou grandes proporções destruiu todo espaço destinado as construções de suas alegorias”. O local palco das chamas é administrado pela Liga SP, órgão responsável pela organização dos desfiles oficiais das escolas de samba paulistas. “Em estágio avançado na confecção de suas alegorias e fantasias, a agremiação lamenta profundamente o ocorrido e irá aguardar pelos procedimentos de praxe em relação as investigações”, disse. Ainda segundo a manifestação, a diretoria da escola de samba irá aguardar momento mais oportuno para se manifestar em relação ao projeto do Carnaval 2020. “Nesse momento, todos esforços estão direcionados em acolher seus colaboradores, principalmente, os residentes no local incendiado”.

A Indepente Tricolor definiu "Utopia – É Preciso Acreditar" como tema de sua apresentação no Carnaval de 2020. O projeto é inspirado no Livro Carta aos Capadócios, Lua, Terra, Céu e Mar - o protagonista é Arê, menino mestiço que recebe a "missão de salvar o planeta dos homens maus, conversa com lobos, tem cavalos alados, dar vida a estatuas, um herói, um Avatá preocupado com o futuro, com o meio ambiente e as utopias da paz com muito realismo fantástico/maravilhoso, uma saga brasileira, vista da Lua".

A Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo, que representa 34 agremiações, afirmou em nota que dará todo suporte para as escolas atingidas pelo incêndio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE