RADIO WEB JUAZEIRO : Alpinista experiente e recordista morre ao cair de altura de 180 metros
sexta-feira, 29 de novembro de 2019

Alpinista experiente e recordista morre ao cair de altura de 180 metros

Por: Fernando Moreira 
Gobright escalando montanha Foto: Reprodução/Instagram


Um experiente alpinista e detentor de recorde na modalidade morreu ao cair de uma altura de 180 metros quando descia o Sendero Luminoso (México) na última quarta-feira (27/11).

Brad Gobright, de 31 anos, estava escalando a montanha com Aiden Jacobson, de 26. De acordo com o site "Outside",, na noite anterior, Gobright postou no Instagram se algum alpinista gostaria de acompanhá-lo na escalada. Jacobson se apresentou. Era a primeira vez que eles se encontravam.

A dupla usou uma corda de rapel, de 80 metros, para descer a montanha após atingir o pico. Reportagem do "Outside" informa que a dupla teria se esquecido de nós vitais para o procedimento, e Gobright acabou despencando para a morte.

Jacobson caiu ao mesmo tempo, mas sua queda foi interrompida por arbustos e ele teve apenas ferimentos em tornozelo.

El Sendero Luminoso, no México Foto: Reprodução/Facebook

Nessa técnica de escalada, os alpinistas usam extremidades opostas da mesma corda para descer a montanha. A corda é amarrada a uma âncora e cada alpinista atua como um contrapeso para o outro. Se um parar de pesar a corda, poderá fazer com que o outro caia.

Nesse caso, Gobright e Jacobson não amarraram nós nas extremidades da corda. Isto poderia fazer com que as cordas ficassem presas, de acordo com o "Outside".

Quando os dois desceram, eles julgaram mal o comprimento da corda que tinham de ambos os lados - com Gobright tendo menos do que ele pensava. E como eles não haviam amarrado nós na corda, quando ela chegou ao fim, escapou de seu dispositivo de rapel, fazendo com que Gobright e o seu parceiro caíssem.

Gobright em ação e o local da queda Foto: Reprodução/Instagram; Reprodução/Daily Mail


"Perguntei se estávamos bem e ele disse: 'Sim, podemos desembaraçar a corda no caminho'. Também não amarramos nós. Eu estava um pouco acima dele. Eu estava à esquerda. De repente, senti um estalo e começamos a cair", disse Jacobson ao site.

Jacobson recebe atendimento após a queda Foto: Divulgação/Defesa Civil de Nuevo León

Em 2017, Gobright havia batido o recorde de menor tempo de escalada da desafiadora rota Nose, em El Capitan, no Parque Nacional de Yosemite (Serra Nevada, Califórnia, EUA).

Gobright em ação em outra montanha Foto: Reprodução/Instagram

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE