RADIO WEB JUAZEIRO : Mulher sobrevive 40 horas à deriva comendo balas de goma na Grécia
terça-feira, 5 de novembro de 2019

Mulher sobrevive 40 horas à deriva comendo balas de goma na Grécia

 Fornecido por Rocky Mountain Editorial Ltda.

Uma mulher que passou 40 horas à deriva e afirma que se manteve viva comendo um “punhado” de balas de goma.

Kushila Stein, neozelandesa de 47 anos, sobreviveu depois de ficar perdida a quase 100 quilômetros da costa na Grécia. Ela desapareceu na sexta-feira (1) depois de perder o remo de um bote inflável.

Kushila estava em um veleiro com um britânico quando decidiu tirar o bote para remar até a ilha grega de Folegrandos. Após realizar sua parada e comprar algumas balas de goma, a neozelandesa mandou uma mensagem para o capitão do veleiro dizendo que voltaria em breve para a embarcação, segundo publicou o portal Stuff.

Para sobreviver, Kushila envolveu partes do seu corpo com sacos plásticos. Ao passo que estava à deriva sem água a bordo, ela se alimentou das balas que havia comprado.


Além disso, por sorte, a mulher estava com um casaco com capuz que lhe permitiu proteger a cabeça dos raios solares.

Após 40 horas de buscas, uma das embarcações de resgate da Grécia encontrou a mulher a cerca de 110 quilômetros da ilha grega de Creta, no mar Egeu.

Kushila foi levada para o hospital, mas não se acredita ter sofrido ferimentos graves durante o incidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.