RADIO WEB JUAZEIRO : Coronavírus perde força: médicos e órgãos indicam que vamos vencer o vírus

#2ECCFA - #87CEFA


 

segunda-feira, 15 de junho de 2020

Coronavírus perde força: médicos e órgãos indicam que vamos vencer o vírus


A pandemia do novo coronavírus atingiu níveis alarmantes no Brasil e todo o mundo. Até a noite deste último sábado, 13/06, havia 7.715.890 pessoas confirmadas com a doença, 3.625.386 casos ativos, 3.662.834 curados e 427.670 óbitos. O Brasil está em segundo lugar no ranking mundial, com 850.514 casos positivos, 80.184 casos ativos, 427.610 curados e 42.720 óbitos.

A doença pegou pessoas de todo o planeta de surpresa, afinal, ele apareceu de forma silenciosa na China no final de 2019, e em poucos meses fez tantas vítimas fatais no mundo. Porém, em meio a esse caos instalado, boas notícias também começam a aparecer e médicos do mundo tem dado declarações animadoras.

Um desses casos é o diretor de uma UTI em Milão, do Hospital San Raffaele, na Itália, um dos países mais atingidos pela Covid-19. O doutor disse que o vírus finalmente está se enfraquecendo e aos poucos tudo deve voltar ao normal em breve.

“Cerca de um mês atrás, ouvíamos epidemiologistas com medo de uma nova onda no fim de maio e início de junho, e quiçá quantos leitos de terapia intensiva poderiam ser ocupados. Na realidade, o vírus, do ponto de vista clínico, não existe mais”, disse o médico durante uma entrevista a uma rede de televisão italiana.

Essa notícia acalenta o coração de qualquer pessoa que está desesperada pela doença, porém é válido dizer que os números de mortes ainda estão crescendo, sendo assim, as medidas de proteção para evitar a propagação e a contaminação pela doença devem permanecer.

As declarações dos especialistas italianos, embora sejam animadoras e comprovadas com números, levou o assunto em discussão, afinal o país do médico ainda configura como o terceiro que mais levou pessoas a óbito no mundo. Se proteja e continue protegendo quem você ama, use máscaras ao sair de casa, evite aglomerações, lave as mãos e faça uso do álcool gel se precisar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE