RADIO WEB JUAZEIRO : A OPINIÃO DO PASTOR TEOBALDO
terça-feira, 7 de julho de 2020

A OPINIÃO DO PASTOR TEOBALDO

Prefeito convoca Live com Pastores com o tema: Pandemia e Igreja, mas faz outra coisa.

Pastor Teobaldo Pedro

O Prefeito de Juazeiro Paulo Bonfim convocou os Pastores do seu Municipio para debater a Pandemia e as Igrejas. O convite dizia explícitamente que seria para Pastores. O erro começava aí, pois deveria incluir outras Crenças também proibidas de se reunirem. Mas ao acessar a Plataforma vimos lideranças Políticas e Pré-candidatos a vereador, além de Lideranças Partidárias. Alguns destes nem eram evangélicos embora o convite dizia que era para Pastores. Um debate com estes sobre Igrejas e Pandemia. Não foi o que vimos.

A Imprensa não foi convidada a participar do debate, pois seria apenas com Pastores. Então, porque Políticos ligados ao Prefeito estavam ali? Isso não foi explicado! A Live não foi gravada, segundo o Moderador Antônio Marcos. Esta durou mais de 3 horas, com boa parte do tempo usado pelo Prefeito e sua assessoria apresentando os relatórios de seus feitos no combate à Pandemia da Covid-19. Porém, se esquivou de inúmeras perguntas incisivas e constrangedoras dos poucos Pastores que conseguiram falar. Estranho mesmo foi ver a palavra sendo concedida a Pré-candidatos a vereador e ser negada a Pastores que ficaram cerca de 3 horas online sem uma chance para falar.

Um dos poucos que falaram, após muita insistência, foi o Pastor Teobaldo que fez questionamentos fortes acerca da flexibilização moderada de Igrejas - em comparação com setores que geram aglomerações sem controle ou fiscalização - como ocorre o uso dos recursos e a falta de transparência nos gastos e prestação de contas ao Povo. Porém, o Prefeito foi bastante evasivo nas respostas. Por conta disso a conclusão geral dos Pastores foi de decepção com a forma como foi organizada a Live, com a participação de quem não representava o segmento, limitação nas participações e pouca abordagem na razão principal do convite: Pandemia e Igrejas. Não respeitaram o combinado! Foi mais propaganda do Governo e menos debate real.

Minutos depois já circulava uma Arte com uma imagem mal feita, orientada a Grupos e informando que os Pastores estavam unidos ao Prefeito no combate à Covid-19. Pastores não se unem ao Governo. Eles e as Igrejas ajudam socorrendo famintos e desesperados. Algo que já fazem desde sempre. 


Pastor Teobaldo Pedro
Juazeiro-BA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE