RADIO WEB JUAZEIRO : Nascidos de janeiro a março têm até esta sexta-feira para ir à Caixa liberar contas bloqueadas por suspeitas de fraude

#2ECCFA - #87CEFA

 


sexta-feira, 24 de julho de 2020

Nascidos de janeiro a março têm até esta sexta-feira para ir à Caixa liberar contas bloqueadas por suspeitas de fraude

Fila para entrar em agência da Caixa em Bangu, nesta quinta-feira (dia 23) Foto: Luiza Moraes

Letycia Cardoso e Pollyanna Brêtas

Os beneficiários do auxílio emergencial nascidos de janeiro a março e que tiveram suas contas poupanças sociais digitais bloqueadas por suspeitas de fraude têm até esta sexta-feira (dia 24) para comparecerem a uma agência da Caixa Econômica Federal e regualizarem seus acessos. A partir da próxima segunda-feira (dia 27), será aberto o atendimento para os nascidos em abril e maio.

— Nascidos em janeiro, fevereiro e março, está aberto para ir. Não adianta procurar a agência se você nasceu em julho. Neste momento, estamos pagando janeiro. Não vai adiantar a liberação do Caixa Tem (agora), se o depósito (do auxílio) só será feito daqui a duas semanas. Isso é muito importante para que se evite aglomeração. A liberação (da conta) é feita em até 15 minutos — garantiu o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, em entrevista coletiva nesta quinta-feira (23).

Inconsistências cadastrais

Os que estão com inconsistências cadastrais no aplicativo Caixa Tem e sofreram bloqueios de suas contas digitais podem regularizar a situação com um novo acesso para envio de documentação, de forma online. Segundo a Caixa Econômica Federal, a análise deve durar cerca de 24 horas.

Se a documentação enviada estiver correta, o acesso é liberado automaticamente. Caso contrário, o beneficiário terá que ir até uma agência.

O banco dividiu as contas bloqueadas em dois grupos, que recebem mensagens diferentes pelo aplicativo Caixa Tem, de acordo com o problema identificado. Segundo Guimarães, 51% dos bloqueios ocorreram por suspeitas de fraude e 49% por inconsistências cadastrais.

Sem saber como proceder, muitos beneficiários lotaram agências da Caixa na quarta e na quinta-feira. Houve longas filas no Rio e em outras cidades do país. Questionado pelo EXTRA, o banco não informou quantos já conseguiram liberar suas contas nem quantos fizeram o pedido de desbloqueio, seja pelo aplicativo ou presencialmente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE