RADIO WEB JUAZEIRO : Oito cidades baianas apresentam taxa de crescimento da Covid-19 acima de 100% e preocupa Rui Costa
quinta-feira, 2 de julho de 2020

Oito cidades baianas apresentam taxa de crescimento da Covid-19 acima de 100% e preocupa Rui Costa

PNotícias Foto: Reprodução

“Insuportável sob qualquer aspecto”, diz governador

Na Bahia, oito municípios têm taxa de crescimento de mais de 100% do novo coronavírus. Os dados, referentes aos últimos dez dias, foram expostos na live do governador do estado, Rui Costa (PT), na noite desta quarta-feira (1°). Rui demonstrou bastante preocupação com os municípios de Jaguaquara, Feira de Santana, Dias D'Ávila, Lauro de Freitas, Juazeiro, Santo Amaro, Valente e Camaçari.

Jaguaquara é a cidade que mais preocupa o governador, chegando a um crescimento de 266% nas notificações. Logo após vem Feira de Santana, com taxa de 142%, Dias D’ávila, com 141%, Lauro de Freitas, com 138%, Juazeiro e Santo Amaro, ambas com 127%, Valente, com 115% e, por fim, Camaçari, com 103%.

Rui disse: “É o total de casos que tinha no dia 21 de junho com o que existe hoje. Selecionei alguns municípios acima de 100% de crescimento. Jaguaquara, comparando dia 1º com dia 21 de junho, 266% de crescimento. Crescimento gigantesco, alerta total; Feira de Santana, 142% de crescimento; Dias D'Ávila, 141% de crescimento; Lauro de Freitas, 138%; Juazeiro, 127%; Santo Amaro 127%; Valente, 11%, Camaçari, 103%. Estamos agendando reunião com prefeitos do litoral norte. Eles já procuraram o secretário de saúde para propor ação regional de fechamento, toque de recolher para conseguir derrubar indicadores. Também vamos precisar fazer reunião com municípios que compõe a região metropolitana”.

O governador ainda contou que já foram marcadas reuniões com os prefeitos locais para que ações sejam discutidas. Ele afirma: "Estamos agendando reunião com prefeitos do litoral norte. Eles já procuraram o secretário de saúde para propor ação regional de fechamento, toque de recolher para conseguir derrubar indicadores. Também vamos precisar fazer reunião com municípios que compõe a região metropolitana”. 

Rui continua: “Isso aqui é insuportável sob qualquer aspecto. Mantidas essas taxas, número de vidas humanas que vai ser perdida é enorme. É preciso que possamos atuar juntos. Se número global da Bahia está mostrando certa estabilidade, algumas cidades saltam os olhos. Se houver contaminação para outras cidades, gráfico que mostramos podem mudar rapidamente”.

“Vamos atuar nessas cidades, amanhã vamos começar a fazer reuniões regionais. Números preocupantes. A essa taxa, estouraríamos todos os leitos do estado em poucos dias. Isso aqui é como foco de incêndio, precisa ser debelado rapidamente. Vamos atuar para que possamos controlar. Também têm outras cidades com patamar de 98% de crescimento. Só fiz selecionar algumas com patamar acima de 100%”, acrescentou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE