RADIO WEB JUAZEIRO : Depois de causar comoção nas redes, 'mãe entregadora' é acusada de fraude na Rússia

#2ECCFA - #87CEFA

quinta-feira, 6 de agosto de 2020

Depois de causar comoção nas redes, 'mãe entregadora' é acusada de fraude na Rússia

Lada Koroleva, seus dois filhos e uma mochila de entregador no metrô de Moscou Foto: Redes sociais
Extra

A imagem de uma mãe com duas crianças e uma mochila de um serviço de entregas no metrô de Moscou provocou uma onda de comoção não apenas na Rússia, mas em todo mundo. Uma imagem que simbolizava as dificuldades encontradas pelas mulheres durante a grave crise econômica que se abateu sobre a Rússia durante a pandemia — o país tem cerca de 900 mil casos, 14 mil mortes e espera uma queda do PIB de 4,5% em 2020.

Mas, como um dos clássicos romances russos, uma reviravolta não era uma questão de "se", mas de "quando" aconteceria.

Segundo o portal de notícias Meduza, muitas pessoas rapidamente identificaram a jovem na imagem como Lada Koroleva, que já havia viralizado em 2019. Na ocasião, foi flagrada usando uma mochila de entregas de outro serviço, enquanto empurrava um carrinho na cidade de Rostov no Don. Até recebeu um apelido: "Mamãe Entregadora".

Em uma série de entrevistas a vários veículos de imprensa, disse que fazia entregas porque seu marido estava no exército e a pensão paga pelo governo era insuficiente — as doações logo começaram chegar e ela se mudou com a família para Moscou. Ali, alugava um apartamento que dizia não ter dinheiro para pagar, e, mais uma vez, recebeu ajuda de toda a Rússia.

Foram aí que surgiram as acusações de fraude. Segundo portal Meduza, uma pessoa que a ajudava a recolher doações disse que, na verdade, o dinheiro nunca foi usado para pagar o aluguel — Lada se desculpou, sem dar muitas explicações.

Em julho, logo depois do surgimento da foto no metrô, Alexander Gezalov, que dirige um centro de apoio profissional em Moscou e que alega ter ajudado a mulher, disse, em postagem no Facebook, que ela levantou cerca de um milhão de rublos (R$ 73 mil) em doações — e que Lada não trabalha para aquele serviço de entregas desde 2019.

No último fim de semana, em entrevista à TV RT, Lada Koroleva negou que esteja enganando as pessoas e que planeja deixar o ramo de entregas. Mas alguns vídeos publicados no Instagram, em nome dela, seguem pedindo que almas caridosas depositem dinheiro em sua conta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE