RADIO WEB JUAZEIRO : Chesf desiste de elevar vazão de Sobradinho para 4 mil m³/s; famílias do Angari que deixaram suas casas estão sendo abrigadas
terça-feira, 10 de novembro de 2020

Chesf desiste de elevar vazão de Sobradinho para 4 mil m³/s; famílias do Angari que deixaram suas casas estão sendo abrigadas

(foto: Alfredo Andrade/@alfredo.l.andrade)

A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) desistiu de aumentar ainda mais a vazão do Reservatório de Sobradinho, no Norte da Bahia, após anunciar que o volume de água liberada poderia chegar a 4 mil metros cúbicos por segundo (m³/s) nesta semana. A possibilidade estava gerando preocupação ainda maior nas famílias que residem na comunidade ribeirinha do Angari, situada às margens do Rio São Francisco em Juazeiro.

Em apenas uma semana, a vazão do Lago quase quadruplicou. No dia 29, uma quinta-feira, estava em 800 m³/s, saltando para 2.600 m³/s na terça-feira (3), maior vazão liberada desde 2013, período em que a Bacia do Rio São Francisco enfrentou uma grave e longa escassez hídrica. Um dia depois, a Chesf anunciou um aumento ainda maior, para 2.900 m³/s.

Esse último aumento, de acordo com o presidente da associação de moradores da comunidade, Neguinho do Angari, foi visto com surpresa, já que segundo ele, a Chesf havia comunicado que, após chegar a vazão de 2.600 m³/s, o reservatório iria operar com 2.400 m³/s. O volume de quase 3.000 m³/s trouxe prejuízos às comunidades ribeirinhas e Neguinho do Angari chegou a acusar a Chesf de negligência, por liberar um grande volume de água em curto espaço de tempo.

Até ontem, segundo o comunitário, oito famílias já tinham retirado seus pertences e deixado suas residências. Com apoio da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDES) do município, as famílias estão sendo abrigadas em casas de parentes e também na sede da associação de moradores.

Ainda de acordo com Neguinho do Angari, a comunidade não recebeu nenhum tipo de visita de representantes da Chesf, como também nenhum tipo de assistência está sendo dada às famílias ribeirinhas

Aumento de até 4 mil m³/s

Na última sexta-feira (6), a assessoria de comunicação da Chesf havia informado ao PNB que nesta segunda-feira (9) a vazão aumentaria para 3.600 m³/s, podendo chegar a 4 mil ao longo da semana. Entretanto, ontem a assessoria chegou a comunicar que a vazão média já estava acima de 3 mil m³/s, porém, posteriormente, comunicou que não haveria um novo aumento, e ressaltou que a vazão permanecerá em 2.900 m³/s nos próximos dias.

O aumento da vazão não está relacionado, exclusivamente, às chuvas que caíram na região nos últimos dias. A água liberada tem o objetivo de minimizar o rebaixamento do Reservatório de Itaparica, da Usina de Luiz Gonzaga (PE), visando manter o seu armazenamento em torno de 30% de seu volume útil, segundo a Chesf.

Sobradinho, segundo dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), está operando com 58,66% do volume útil, conforme atualização de ontem. Em maio, o reservatório chegou a ultrapassar 90% de sua capacidade.

Da Redação Pretonobranco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE