RADIO WEB JUAZEIRO : O que aconteceu com a Lei das Fake News?
quinta-feira, 12 de novembro de 2020

O que aconteceu com a Lei das Fake News?


Laura Moraes - Avaaz


Queridos amigos e amigas,

É desesperador - mais de 150 mil brasileiros já morreram por causa do coronavírus e há grupos de pessoas espalhando fake news nas redes sociais sobre as vacinas, colocando ainda mais vidas em risco.

Precisamos fazer alguma coisa sobre isso!

Neste momento, nossos deputados estão negociando o que incluir numa lei sem precedentes que poderia combater este problema. Mas as empresas de redes sociais estão fazendo lobby pesado para acabar com o projeto de lei e deixar a gente se afogar em um mar de fake news.

É aí que entramos! Todos os políticos que a Avaaz encontra dizem: “ninguém está lutando pelos fatos” -- e juntas, nossas vozes podem fazer a diferença!

Clique abaixo para enviar uma mensagem ao Deputado ou Deputada de seu estado para pedir que obriguem as redes sociais a distribuírem os fatos a todas as pessoas que virem fake news:


As empresas de redes sociais estão trabalhando duro para enfraquecer a lei, enquanto corajosas ONGs estão fazendo tudo o que podem para remover as ameaças à privacidade e à liberdade de expressão do projeto de lei. Agora, depende da nossa comunidade lutar pelo nosso direito de obter fatos.

A maneira mais eficiente de combater a desinformação é com MAIS informação. Mas os deputados ainda não incluíram isso no projeto de lei! Especialistas dizem que mostrar os fatos, pelo menos uma vez, a uma pessoa exposta a fake news pode reduzir pela metade a crença na notícia falsa -- 81% dos brasileiros apoiam esta ideia.

Vamos unir nossas vozes em torno desta ideia - clique abaixo para escolher um Deputado ou Deputada do seu estado e enviar sua mensagem:


Nossa luta está longe de acabar. O projeto de lei ainda precisa ser aprovado na Câmara dos Deputados, ser revisado pelo Senado e então enfrentar o veto presidencial. Mais do que nunca, a coragem e determinação da nossa comunidade será necessária para que o Brasil aprove uma lei que sirva de exemplo para o mundo no combate à desinformação. Vamos juntos.

Com esperança e gratidão,

Laura, Diego, Ana, Nana, Luciana, Lilian, Nell e todo o time da Avaaz.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE