RADIO WEB JUAZEIRO : Segundo assessoria, Justiça proíbe divulgação de pesquisa falsa de Suzana
quarta-feira, 11 de novembro de 2020

Segundo assessoria, Justiça proíbe divulgação de pesquisa falsa de Suzana

Uma representação movida pela coligação Pra Juazeiro Seguir em Frente, que tem como candidato a reeleição Paulo Bomfim, obteve nesta terça-feira (10) liminar favorável no TRE. A liminar determina que “cessem e removam imediatamente a divulgação de notícia sobre suposta pesquisa eleitoral que atribua ou faça alusão, ainda que indiretamente, a que a candidata a prefeita SUZANA RAMOS tenha 51% das intenções de votos, seja nas redes sociais ou por qualquer outro meio de propaganda eleitoral”.


A pesquisa, considerada falsa, teve o resultado amplamente divulgado pelos candidatos e integrantes da sua coligação nas redes sociais, mesmo ainda estando em andamento e tendo como data prevista para conclusão das entrevistas o dia de hoje, 10 de novembro de 2020, constituindo assim grave crime eleitoral. A pergunta que fica é: Como o resultado do levantamento ‘falso’ está sendo divulgado antes mesmo da conclusão do trabalho de campo?

Outro dado importante a ser levado em consideração as pesquisas apresentadas pela coligação da candidata Suzana é sobre as instituições que realizam as mesmas, pois na última pesquisa apresentada por ela, e que também teve a divulgação pelo TER, tinha como endereço uma floricultura localizada na capital baiana.


ASCOM/Coligação Pra Juazeiro Seguir em Frente

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE