RADIO WEB JUAZEIRO : Clube é condenado a indenizar mulher que sofreu acidente em toboágua
segunda-feira, 25 de janeiro de 2021

Clube é condenado a indenizar mulher que sofreu acidente em toboágua

A TARDE
O acidente aconteceu no dia 23 de outubro de 2014, em um brinquedo chamado “Anaconda”, que possui curvas e termina em uma piscina | Foto: Divulgação

O clube Lagoa Thermas Clube, Turismo, Lazer e Ecologia, localizado em Caldas Novas, principal cidade turística de Goiás, foi conenado a pagar indenização para uma auxiliar de produção que ficou paraplégica após sofrer acidente em um toboágua. No processo, ela também alegou negligência durante socorro, uma vez que foi levada a uma unidade de saúde na traseira de um carro, ao invés de uma ambulância. Cabe recurso da decisão.

A decisão foi proferida na última quarta-feira, 20, pela juíza Renata Farias Costa Gomes de Barros Nacagami, da 3ª Vara Cível e de Família e Sucessões da comarca de Valparaíso de Goiás. Conforme a magistrada, a mulher deve receber R$ 150 mil por danos morais, R$ 100 mil por danos estéticos, R$ 6,4 mil por gastos com materiais e produtos e R$ 6,7 mil por custos de cadeiras de roda e banho, totalizando R$ 263 mil. Ela também receberá uma pensão de R$ 1,2 mil por toda a vida, a partir da data do acidente.

O acidente aconteceu no dia 23 de outubro de 2014, em um brinquedo chamado “Anaconda”, que possui curvas e termina em uma piscina. Nos autos do processo, a auxiliar de produção informou que, após descer no toboágua, ela caiu de joelhos na água, pois a piscina teria o tamanho desproporcional para suportar o impacto da queda. Segundo ela, de imediato, ela sentiu uma “forte dor nas pernas”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE