RADIO WEB JUAZEIRO : CPI DO SAAE GANHA FORÇA E PODE DAR CADEIA
quarta-feira, 3 de março de 2021

CPI DO SAAE GANHA FORÇA E PODE DAR CADEIA

Vereador Gleidson Azevedo afirma que está apresentando requerimento para criação da CPI do SAAE para apurar possíveis irregularidades da administração anterior

Ação Popular

O vereador Gleidson Azevedo (PSDB) usou a tribuna da Câmara Municipal de Juazeiro, nesta terça-feira (02) quando fez alguns questionamento sobre problemas o que vem ocorrendo na cidade. Ele voltou a lembrar sobre o débito energia deixado pela administração anterior. “Foi deixado pela gestão passada R$ 10 milhões de débito na Coelba, e ainda se encontra em um montante que vai bater em aproximadamente R$ 30 milhões. O amor e o ódio não podem simplesmente usar esta tribuna para querer se promover. Não podemos nos calar, o povo de Juazeiro clama urgentemente pelo tratamento da água”, relatou o vereador.


Gleidson Azevedo afirmou ainda em seu discurso que já está tomando providência para que seja criada a CPI do SAAE. “Estarei protocolando requerimento solicitação a criação da CPI do SAAE nesta casa para apurar os erros que aconteceram na administração anterior. Não é ódio ou perseguição, mas é lutar em defesa do povo de Juazeiro”.

Outro fato destacado pelo edil foi sobre a taxa de iluminação cobrada no interior do município. “Existe a cobrança de taxa de iluminação pública no interior da cidade. A pessoa anda no interior e não encontra iluminação, e mesmo assim o povo paga”.

(…) “Eu e o vereador Gildásio estivemos visitando a Maternidade Municipal para acompanhar a mãe da criança que faleceu, e para nossa surpresa estava muito linda a fachada de ACM, mas por dentro não, precisa ser fiscalizado uma fachada que custou quase R$ 200 mil e não foi feito as adequações necessárias dentro do local. Isso aconteceu na gestão passada”, disparou.

Ele concluiu afirmando que é necessário que a administração municipal faça barreiras sanitárias na entrada da cidade. “É necessário que se faça isso. Não serei omisso em defender o povo de Juazeiro”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE