RADIO WEB JUAZEIRO : Felipe Neto é intimado a depor por chamar Bolsonaro de genocida
terça-feira, 16 de março de 2021

Felipe Neto é intimado a depor por chamar Bolsonaro de genocida

A TARDE

Youtuber afirmou que não vai se deixar intimidar pela família Bolsonaro 
 Foto: Reprodução | Instagram

O youtuber Felipe Neto revelou em suas redes sociais nesta segunda-feira, 15, que foi intimado pela polícia para responder por “crime contra a segurança nacional”. Segundo o influencer, a queixa-crime foi aberta pelo filho “02” do chefe do Executivo federal, o vereador Carlos Bolsonaro, após Felipe ter chamado o presidente Jair Bolsonaro de “genocida”.

“Carlos Bolsonaro foi no mesmo delegado q me indiciou por ‘corrupção de menores'”, completou Felipe Neto em uma publicação no Twitter. A queixa-crime foi aberta, segundo o próprio Carlos, na última quinta-feira, 11, contra o youtuber e a atriz Bruna Marquezine.

O vereador fez uma postagem em suas redes sociais usando uma imagem em que a atriz aparece nua na série Nada Será Como Antes, e outra do youtuber fazendo uma careta.

Carlos Bolsonaro, em sua publicação, citou o artigo 138 do Código Penal, que cita pena de 6 meses a 2 anos por caluniar alguém falsamente. Na ocasião, Felipe Neto rebateu em seu Twitter.

“Carlos Bolsonaro abriu queixa-crime contra mim e Bruna Marquezine por xingarmos o presidente. Para divulgar a notícia, ele utilizou uma foto da Bruna nua, num trabalho de dramaturgia, com os seios cobertos por estrelinhas vermelhas, dando a ela uma conotação sexual de maneira rasteira, vergonhosa”.

Apesar disso, o youtuber afirmou que não vai se deixar intimidar. "Carlos, um recado pra você: eu enfrento essa articulação do ódio há muito tempo. Você não me amedronta", completou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE