RADIO WEB JUAZEIRO : Pfizer inicia teste de medicamento inédito contra Covid-19
quinta-feira, 25 de março de 2021

Pfizer inicia teste de medicamento inédito contra Covid-19

Giulia Vidale

A Pfizer iniciou os testes clínicos de um medicamento inédito contra Covid-19. Trata-se de um inibidor de protease administrado via oral que atua impedindo a replicação do vírus dentro do organismo. Se bem sucedido, o tratamento poderá ser prescrito para pacientes ao primeiro sinal da doença.

 Dan Kitwood/Pool/Getty Images/VEJA pfizer-logo-inglaterra-20110817-01-original.jpeg

Estudos preliminares, realizados em laboratório, indicam que o medicamento tem uma potente atividade antiviral contra o SARS-CoV-2, nome oficial do novo coronavírus. “Enfrentar a pandemia de Covid-19 requer prevenção por meio de vacina e tratamento direcionado para aqueles que contraem o vírus. ”, disse Mikael Dolsten, diretor científico e presidente de pesquisa, desenvolvimento e medicina mundial da Pfizer, em comunicado.

A empresa também avalia uma versão intravenosa do antiviral, destinado a pacientes hospitalizados. "Juntos, os dois têm o potencial de criar um paradigma de tratamento de ponta a ponta que complementa a vacinação nos casos em que a doença ainda ocorre”, completa Dolsten.

Os inibidores da protease são eficazes contra outros vírus, como o HIV e o vírus da hepatite C, tanto por conta própria quanto em combinação com outros antivirais. A pílula funciona inibindo uma enzima usada pelo coronavírus para fazer cópias de si mesmo dentro das células humanas. Ainda não se sabe a dosagem nem por quanto tempo o medicamento precisa ser administrado para fazer efeito.

O ensaio de Fase I, realizado nos Estados Unidos, é randomizado duplo-cego no qual alguns participantes receberão a droga e outros o placebo. Pesquisadores nem voluntários saberão o que estão tomando. Se os resultados mostrarem que o medicamento é seguro e atua contra a doença, a empresa passará para a Fase II, que conta com um número maior de participantes.

Outras terapias antivirais orais contra a Covid-19 já estão em desenvolvimento, incluindo um medicamento da Merck em parceria com a Ridgeback Bio e outro da Roche com a Atea Pharmaceuticals.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE