RADIO WEB JUAZEIRO : Mulher é presa após atingir idosa com maracujá congelado em ato contra o STF
terça-feira, 13 de abril de 2021

Mulher é presa após atingir idosa com maracujá congelado em ato contra o STF



A Polícia Militar prendeu uma psicóloga, de 53 anos, suspeita de arremessar um maracujá congelado na cabeça de uma idosa, de 73 anos, que participava da Marcha da Família Cristã pela Liberdade, em Curitiba (PR), no domingo (11). As informações são do Uol.

O movimento protestava contra a decisão do Supremo Tribunal Federal que deu autonomia aos estados e municípios para vetarem templos religiosos durante as restrições impostas pela pandemia da Covid-19. Conforme a organização do evento, a suspeita arremessou a fruta da sacada de um apartamento no 13º andar. A idosa atingida ficou desacordada e foi socorrida para o Hospital Evangélico Mackenzie.

A mulher recebeu pontos na cabeça, passou por exames e foi liberada para voltar para casa. “Todo mundo viu a mulher jogando as frutas, sendo que uma dessas acertou essa senhora. Era uma marcha tranquila e sem nenhum incidente. Uma mulher de 53 anos quase matar alguém mostra que vivemos o fim do mundo mesmo”, disse ao Uol um dos coordenadores da marcha, Renato Gasparin.

“A gente não pode levar bandeira do Brasil que o pessoal já pensa que é evento do [presidente Jair] Bolsonaro. A marcha ontem era pela família cristã. Acredito que essa mulher pensou que ficaria impune ou que ninguém a perceberia”, comentou Gasparin.

A Polícia Militar foi acionada e levou a mulher para à delegacia. O caso foi encaminhado ao 5º Distrito Policial. Em nota ao Uol, a Polícia Civil informou que a mulher continua presa aguardando audiência de custódia.

Rede TV

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE