RADIO WEB JUAZEIRO : Ameaçado, vendedor de sopa é surpreendido por união de moradores: 'foi emocionante'
sexta-feira, 18 de junho de 2021

Ameaçado, vendedor de sopa é surpreendido por união de moradores: 'foi emocionante'



(Reprodução)

Condômino se incomodou com gritos de Izael, no Acupe de Brotas, e ameaçou o vendedor. Nesta quinta, ele voltou às vendas sob gritos de apoio e aplausos

Na última quarta-feira (16), o vendedor de sopa Izael Menezes seguia sua rotina de vendas na região do Acupe de Brotas. Carregando sua caixa de isopor com quentinhas de 500 ml de sopa, ele anunciava aos gritos sua presença.

"Eu estava vendendo minha sopa como de costume. Eu grito para que as pessoas saibam que eu estou ali", contou Izael ao Correio.

No entanto, o aviso de sua presença incomodou um morador. Enquanto aguardava os clientes, Izael ouviu a ameaça para que se calasse e saísse dali.

"Esse morador ficou incomodado. Ele já falava há algum tempo, eu achava que era brincadeira, mas dessa vez, ele gritou que ia descer, que ia fazer e acontecer. Eu tive medo. Nessa quarentena está ficando todo mundo doido, e a gente não tá na cabeça de ninguém, então eu peguei minha caixa e decidi ir pra casa e até parar de vender. Porque se eu não consigo vender, não consigo repor o material", disse o vendedor.

As ameaças foram ouvidas por outros moradores. "Logo que ele chegou no final da tarde, ele sempre dá boa tarde e depois começou a gritar do jeito dele. E pouco depois, ouvimos a voz da pessoa que ameaçou ele. A pessoa gritou de um jeito que não dava para saber de onde vinha, mas a pessoa disse que ele se tocasse, que estava incomodando, e que se ele não parasse de gritar que iria descer e pegar ele e que ele sumisse dali. E aquilo me partiu o coração. Ele pegou a caixinha dele e saiu", contou ao Correio Laís Brito, uma das moradoras do condomínio.

Após ser ameaçado, Izael chegou a ser visto chorando enquanto fazia o caminho de volta para casa.

Indignada, Laís foi para o grupo de Whatsapp do condomínio e lamentou a ameaça sofrida pelo vendedor. Após receber apoio de diversos moradores, ela decidiu criar um novo grupo e colocar Izael para que as pessoas que quisessem ajudá-lo participassem.

Os moradores pediram o Pix do vendedor e enviaram contribuições. Izael, que passou a vender a sopa depois de ficar desempregado, agradeceu a ajuda em um vídeo com a esposa e as três filhas. Além da ajuda financeira, os moradores incentivaram que ele continuasse a vender a sopa nesta quinta (17).

A surpresa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE