RADIO WEB JUAZEIRO : Entregadora dá mais de 10 socos em idosa, é presa e demitida da Amazon
quinta-feira, 10 de junho de 2021

Entregadora dá mais de 10 socos em idosa, é presa e demitida da Amazon

Por Deyvid Alan


Uma jovem de 21 anos foi detida depois de agredir uma idosa, 67, com mais de dez socos na cabeça, em Alameda, na Califórnia, Estados Unidos, na quinta-feira (3). Ela também perdeu o emprego de entregadora da Amazon, já que o episódio de violência ocorreu enquanto trabalhava. Imagens de câmeras de segurança mostram o momento exato em que Itzel Ramirez agride a vítima.

De acordo com a FOX 10, a ex-entregadora da Amazon e a cliente, cuja identidade não foi revelada, se desentenderam por conta de um pacote. A mulher teria recebido um alerta a respeito de uma encomenda. No entanto, ao chegar ao saguão do condomínio, não a encontrou. Foi então que viu a jovem Itzel e resolveu perguntar sobre a entrega.

A então entregadora teria dito que o pacote da idosa chegaria em breve. Enquanto esperava, a mulher retornou ao saguão. Depois de 15 minutos, foi para o lado de fora e questionou novamente a jovem sobre o pedido. A sequência de socos ocorreu logo em seguida. À KTVU, o proprietário do condomínio relatou o que ouviu das duas.


“Eu acredito que a entregadora da Amazon disse algo sobre ‘seu privilégio branco’, e minha inquilina disse, ‘você não precisa ser uma vadia’, se virou e foi embora”, explicou o dono do complexo de apartamentos Doug Smith.

Apesar da versão de Doug e das imagens mostrarem que, antes dos socos, Itzel também empurrava a idosa, ela alegou que agiu em legítima defesa. Já o chefe de polícia local, Ray Kelly, condenou a ação da jovem. “Não podemos ter nossos motoristas de entrega ou pessoas na comunidade atacando pessoas, socando pessoas no rosto”, disse.

Itzel Ramirez foi detida depois que a própria idosa ligou para a polícia. A jovem deverá responder por lesão corporal grave e abuso de idosos. Ela teve fiança definida em 100 mil dólares e deve passar por uma audiência.

Por meio de um comunicado, a Amazon afirmou que Itzel não faz mais parte do quadro de funcionários da empresa. “Isso [o comportamento da jovem] não reflete os altos padrões que temos para os motoristas que entregam nossos pacotes”, afirmaram em um trecho. “Levamos essas questões a sério e esse indivíduo não está mais entregando pacotes da Amazon”, garantiram.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE