RADIO WEB JUAZEIRO : Após 10 dias internado, Olavo de Carvalho tem alta de hospital público em São Paulo
segunda-feira, 19 de julho de 2021

Após 10 dias internado, Olavo de Carvalho tem alta de hospital público em São Paulo

A TARDE
Internação do escritor é alvo de inquérito do MP-SP 
 Foto: Reprodução | TV Globo

Neste domingo, 18, no mesmo dia que o presidente Jair Bolsonaro, o seu guru, o escritor Olavo de Carvalho também teve alta hospitalar em São Paulo. Ele estava internado no InCor (Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da FMUSP) desde o dia 8 de julho.

Olavo sofreu uma crise de angina e foi submetido a tratamento medicamentoso para compensação cardíaca. Ele também fez uma cirurgia de revisão da operação da bexiga feita em maio deste ano, nos Estados Unidos. As informações foram enviadas ao UOL pelo hospital.

"A intervenção cirúrgica realizada em caráter emergencial no InCor, em 13 de julho último, com duração de três horas e comando do Prof. Dr. Miguel Sroug, teve a finalidade de corrigir obstrução uretral consequente de quadro infeccioso recorrente no local da cirurgia anterior e aumento prostático", diz a nota.

Olavo de Carvalho foi internado no dia 8 de julho após sentir um "mal-estar súbito" durante voo entre os Estados Unidos e o Brasil, segundo o hospital. Em abril, ele havia sido internado nos Estados Unidos após uma crise respiratória.

A sua internação no InCor é alvo de apuração da Promotoria de Justiça de Direitos Humanos do Ministério Público de São Paulo. Um inquérito irá apurar se houve irregularidade na internação do escritor de 74 anos.

“O ponto central deste procedimento (…) não é questionar, de forma alguma, o tratamento do paciente por meio do SUS. Busca-se investigar, somente, se efetivamente a situação clínica do paciente era adequada para que fosse atendido, na forma da urgência/emergência, no pronto-socorro do InCor e internado imediatamente naquele hospital”, diz o documento, assinado pelo promotor Arthur Pinto Filho.

A promotoria entende que se comprovada a irregularidade da internação, os custos do tratamento médico deverão ser ressarcidos ao SUS. “Se, eventualmente, a internação no InCor foi irregular, os gastos do SUS com o paciente deverão ser ressarcidos, além de outras medidas judiciais, sempre por meio de ação civil pública”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE