RADIO WEB JUAZEIRO : Brasil registra menor número de mortes por Covid em 24 horas desde novembro
segunda-feira, 20 de setembro de 2021

Brasil registra menor número de mortes por Covid em 24 horas desde novembro

 Por: Divulgação/Prefeitura de Manaus Por: Redação BNews

O Brasil registrou neste domingo (19) 239 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, menor número registrado em um dia desde 22 de novembro de 2020 (quando tivemos 181 vítimas). O total de óbitos desde o início da pandemia alcançou a marca de 590.786.

Acre, Amapá, Ceará, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia e Roraima não registraram nenhuma morte nas últimas 24 horas.

Em 31 de julho o Brasil voltou a registrar média móvel de mortes abaixo de 1 mil, após um período de 191 dias seguidos com valores superiores. De 17 de março até 10 de maio, foram 55 dias seguidos com essa média móvel acima de 2 mil. No pior momento desse período, a média chegou ao recorde de 3.125, no dia 12 de abril.

Na lista de estados com mais mortes estão São Paulo (148.099), Rio de Janeiro (64.895), Minas Gerais (54.080) e Paraná (38.456). As unidades da Federação com menos óbitos são Acre (1.817), Amapá (1.969), Roraima (1.987) e Tocantins (3.738).

Já o total de pessoas infectadas pelo novo coronavírus desde o início da pandemia chegou a 21.239.783. Em 24 horas, foram confirmados pelas autoridades sanitárias 9.458 novos casos.

Em número de casos, São Paulo também lidera (4.350.530), seguido por Minas Gerais (2.112.043), Paraná (1.490.543) e Rio Grande do Sul (1.428.678).

Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 293 casos de Covid-19, o que representa uma taxa de crescimento de 0,02%. Além disso, a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) contabilizou três mortes em decorrência das complicações causadas pelo vírus. Outras 219 pessoas conseguiram vencer a doença.

Dos 1.229.070 casos confirmados desde o início da pandemia, em meados de março de 2020, 1.199.922 já são considerados recuperados, 2.393 encontram-se ativos e 26.755 tiveram óbito confirmado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.

COMPARTILHE